Vereadores de Brusque querem ouvir prefeito Jonas Paegle sobre caso Aquila

Requerimento solicita a presença dele ou representante em uma sessão do Legislativo, para prestar esclarecimentos

Vereadores de Brusque querem ouvir prefeito Jonas Paegle sobre caso Aquila

Requerimento solicita a presença dele ou representante em uma sessão do Legislativo, para prestar esclarecimentos

Os vereadores Paulo Sestrem (PRP), Sebastião Lima (PSDB) e Claudemir Duarte, o Tuta (PT) apresentaram requerimento no qual solicitam a presença do prefeito Jonas Paegle em uma das sessões do Legislativo, para prestar esclarecimentos sobre o caso da tentativa de contratação, por dispensa de licitação, do Instituto Áquila.

Os parlamentares consideram que ainda há dúvidas a serem sanadas sobre o caso, que foi trazido a público após o então procurador-geral Mário Mesquita, exonerado do cargo, denunciar que o governo, na sua visão, estava tentando forçar a contratação da empresa, em detrimento de realizar processo licitatório.

No requerimento, eles dão ao prefeito a prerrogativa de mandar representante para fazer as explicações em seu lugar. Ainda na sessão desta terça-feira, o vereador Ivan Martins (PSD) criticou o fato de empresários terem apoiado a medida.

“No meu entendimento precisa sim de processo licitatório, e mesmo que não precise, seria moral o prefeito fazer a licitação, aí ele estaria atendendo aos anseios da população”, disse.

Recentemente, a Câmara rejeitou a abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as relações da empresa com a prefeitura.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio