Bruscão deslancha no segundo tempo, faz 3 a 0 no XV de Outubro e assume a ponta isolada da Divisão Especial

Cidinho, Eydison e Santos marcaram para o Marreco. Todos no segundo tempo.

Bruscão deslancha no segundo tempo, faz 3 a 0 no XV de Outubro e assume a ponta isolada da Divisão Especial

Cidinho, Eydison e Santos marcaram para o Marreco. Todos no segundo tempo.

A terceira rodada da Divisão Especial não poderia ser melhor para o Bruscão. O Marreco goleou o XV de Outubro por 3 a 0 em Indaial e dormiu na ponta da Divisão Especial. O time também tem o melhor ataque e a defesa menos vazada da competição. Cidinho, o estreante Eydison e Santos marcaram os gols do Marreco. Todos no segundo tempo. O adversário teve o zagueiro Maurinho expulso e jogou com um jogador a menos desde o fim da primeira etapa.
Jogo amarrado no primeiro tempo
Quem imaginou que o Brusque passaria fácil pelo lanterna XV de Outubro foi surpreendido nos 45 minutos iniciais da partida no Gigante do Vale. O time repetiu as atuações apagadas nas primeiras etapas dos dois primeiros jogos da Divisão Especial. Por outro lado, pegou um adversário sem qualidade técnica e que não soube explorar as dificuldades do Marreco na partida.
A primeira jogada mais aguda foi do XV de Outubro. Após cobrança de escanteio, Rodolpho foi dar um soco na bola e quase mandou contra o próprio patrimônio. No fim da primeira etapa, o time de Indaial teve o zagueiro Maurinho expulso após cometer falta em Santos e receber o segundo cartão amarelo. Mesmo com um jogador a mais, o Bruscão seguiu sem assustar o goleiro Leandro. 

Na oportunidade mais clara, o time teve um gol anulado pois a arbitragem já marcava impedimento no lance. “O time está chegando, mas não como a gente quer. Não conseguimos chegar com paciência e calma. Precisamos tocar mais a bola para que a gente consiga fazer o gol”, disse o meia Serginho após o intervalo.
Goleada em sete minutos
O Brusque voltou para o segundo tempo com apenas uma mudança. Insatisfeito com o rendimento ofensivo de Flavinho, Rogério Perrô tirou o lateral e promoveu a estreia de Eydison. Santos foi deslocado para o setor. A mudança deu certo e a equipe começou a criar boas oportunidades de abrir o placar, embora chegasse ao ataque de forma desorganizada.

Em jogo de um time só, o Brusque passou a pressionar o adversário, mas pecava nas finalizações. 
Aos 28, Rogério Perrô promoveu outra estreia no Bruscão. Thiago Ferreira entrou no lugar de Eurico. O primeiro gol do Brusque saiu um minutos após a alteração. Serginho fez bom lançamento para Cidinho, que só teve o trabalho de tocar nas redes de Leandro. 

Com o placar adverso, o XV de Outubro teve que sair para partida, mas mal teve tempo de reagir. Santos cruzou e Eydison completou de chapa para aumentar aos 33 minutos. O gol de misericórdia veio dois minutos depois. Cidinho fez o corta luz para Santos. O jogador recebeu na ponta esquerda e bateu rasteiro para fechar o placar.

Ao fim do duelo, Rogério Perrô admitiu que o time não fez uma boa partida na primeira etapa, mas valorizou o resultado. “Tivemos dificuldades no início do jogo. Mas era esperado. Sabemos que o adversário dá trabalho no começo da partida e no segundo tempo reduz o ritmo. Mas o importante é que tivemos competência e equilíbrio para conseguir a vitória”, destacou.

Ele também comentou sobre a mudança de Flavinho por Eydison no intervalo. Fundamental para mudar o cenário da partida. “Precisávamos aproveitar que tínhamos um homem a mais. E o Flavinho não vinha fazendo um bom jogo na minha avaliação. Por isso optamos pelo Eydison que entrou bem, mesmo ainda sem ritmo de jogo”.

Cidinho, que marcou seu primeiro gol com a camisa do Brusque, também valorizou o resultado. “Ganhar fora de casa é sempre bom. Eles criaram dificuldades no primeiro tempo, mas a gente acertou e conseguiu fazer o placar que era interessante” destaca.

O próximo compromisso do Bruscão agora será no sábado, 8. O time defende a liderança contra o Concórdia. A partida está marcada para as 15h30 no Josué Annoni, em Xanxerê.

Ficha técnica
Campeonato Catarinense da Divisão Especial
Terceira rodada – Brusque 3 x 0 XV de Outubro
Data: 4/6/2012 – terça-feira
Hora: 20h
Local: Estádio Gigante do Vale, em Indaial
XV de Outubro: Leandro, Jean (João Vítor), Leonan (Negueba), Guilherme e Pablo; Zé Klock, Maique, Bruninho e Maurinho; Bruno e Jeremias (Abner). Técnico: Josélio Kresch
Brusque: Rodolpho, Saraiva, Alexandre Carvalho (Cleyton), Neguette e Flavinho (Eydison); Fabinho, Eurico (Thiago Ferreira), Luiz André e Serginho; Cidinho e Santos. Técnico: Rogério Perrô
Árbitro: Leandro Messina Perrone 
Auxiliares: Maíra Americano Labes e José Ricardo Pires
Cartões amarelos: Bruninho e Maurinho (XV de Outubro)
Cartão Vermelho: Maurinho (XV de Outubro)
Gols: Cidinho aos 29; Eydison aos 33; e Santos aos 35 minutos do segundo tempo para o Brusque

Confira a reportagem completa sobre a vitória do Bruscão na edição impressa do MDD desta quarta-feira, 5 de junho.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio