Brusque goleia Fluminense de Joinville em jogo-treino antes da Copa Santa Catarina

Quadricolor derrotou adversário por 4 a 0 e mostrou bom entrosamento para cerca de 150 torcedores

Brusque goleia Fluminense de Joinville em jogo-treino antes da Copa Santa Catarina

Quadricolor derrotou adversário por 4 a 0 e mostrou bom entrosamento para cerca de 150 torcedores

Em seu segundo teste antes do início da Copa Santa Catarina, o Bruscão venceu o Fluminense de Joinville por 4 a 0, durante jogo-treino realizado na tarde deste sábado, 30. Os gols de Junior Timbó, Alysson e Jefferson Renan duas vezes fizeram a alegria de um bom público que marcou presença no estádio Augusto Bauer.

A estreia do Brusque na Copinha será no dia 8 de outubro, 11h, contra o Inter de Lages na Serra Catarinense. Começaram jogando: Dida; João Carlos, Alysson, Mauricio e Ronaell; Mineiro, Luizinho, Eurico e Carlos Magno; Jean Dias e Junior Timbó.

Alagados
O sol apareceu no sábado à tarde, mas as chuvas dos três dias anteriores deixaram o gramado do estádio Augusto Bauer em más condições de jogo. Os mais de 30 dias de estiagem formou os buracos que, entre quarta e sexta-feira, foram preenchidos pelas águas, formando poças que traíram demais os jogadores de ambas as equipes.

Mesmo assim, o Brusque mostrou superioridade no primeiro tempo. Fez as melhores jogadas, dominou o meio-de-campo e pressionou demais o Fluminense de Joinville em busca de seu gol. Aos cinco minutos, Jean Dias, um dos nomes da partida, acertou o travessão soltando o grito das cerca de 150 pessoas que acompanharam a partida.

O Flu também teve seus momentos, e o goleiro Dida mostrou que está preparado para a titularidade ao defender um chute à queima-roupa de Walace após uma furada do zagueiro Alysson. Mas quem saiu vencendo foi o Brusque: aos 30 minutos, após boa triangulação dentro da área, a zaga tricolor afastou parcialmente e Junior Timbó, de longe, acertou um belo chute. O goleiro Nando falhou e rebateu para dentro da própria meta.

Luizinho: diretamente da base para um bom desempenho entre os profissionais Foto: Cristóvão Vieira

Abriu a porteira
O segundo tempo mostrou que o técnico Jersinho tem boas peças de reposição. Atletas que entraram no decorrer da etapa final fizeram a diferença e ajudaram o time a construir o bom resultado. Jefferson Renan, que entrou no lugar de Jean Dias, mostrou serviço já aos cinco minutos de partida ao ganhar bola da defesa na corrida, limpar e chutar muito próximo ao gol.

Mas o segundo gol não foi marcado por um homem de frente. Aos 23 minutos, uma bola alçada na área foi aproveitada pelo zagueiro Alysson, que marcou em chute dentro da pequena área. Junior Timbó deu lugar a Edu, e o novo centroavante também provou ser um bom garçom: aos 31, Luizinho apertou a marcação e a bola foi mal tocada para o atleta que serviu Jefferson Renan na entrada da área. O reforço quadricolor só teve o trabalho de escorar para as redes.

Aos 36 minutos, pouco antes do apito final do árbitro Gilson – o jogo-treino foi realizado com dois tempos de 40 min -, ainda deu tempo de Jefferson Renan brilhar no Gigantinho. Ele recebeu bola na pequena área, aplicou um lindo drible no goleiro adversário e colocou lá dentro para dar números finais à partida.

Autor de um dos gols, Alysson comentou que ficou feliz em ajudar no placar. “Conseguimos ficar sem sofrer gols e ainda tive a felicidade de estar embaixo da trave para marcar o meu. Gosto muito de subir para a área e fazer gols, mas o mais importante foi saber que estamos no caminho certo”.

Jersinho fez ponderações, mas também se disse satisfeito com o desempenho da equipe. “Era um adversário com ritmo de jogo e conseguimos marcar os quatro gols, acho que ainda falta muito o que evoluir, mas foram dois testes importantes”.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio