Calor em campo e derrota: Brusque perde para o Avaí

Time azul e branco supera Bruscão e dispara na liderança do Campeonato Catarinense

Calor em campo e derrota: Brusque perde para o Avaí

Time azul e branco supera Bruscão e dispara na liderança do Campeonato Catarinense

Em jogo fraco e com intenso calor registrado no campo da Ressacada, o Brusque perdeu para o Avaí por 2 a 1. Displicente na troca de passes e pouco finalizador, o time de Pingo teve apenas um lampejo, que terminou em gol de Belusso. Mesmo assim, mostrou que tem forças e vai lutar por posições altas no estadual. Agora a equipe se prepara para enfrentar o Barroso na próxima quarta-feira, 22.

Ataque fraco

Um primeiro tempo inteiro sem chute a gol. Essa foi a realidade do Brusque nos primeiros 47 minutos. Dessa forma, seria difícil superar o líder do campeonato dentro de seus domínios. O forte calor que assolou o campo da Ressacada também foi sentido pelos atletas de preto, que mostraram cansaço na etapa inicial. Willian chegou a ser substituído aos 20 minutos durante a parada técnica.

Em termos de posse de bola, foi lá e cá. O Brusque foi ligeiramente superior nesse quesito, mas quando se fala em eficácia, o Leão imperou. Com a a precisão do meia Marquinhos e a agilidade do lateral Gustavo dos Santos, a defesa se segurava como podia. Rodolpho teve que salvar milagrosamente duas bolas com defesas bastante difíceis.
Mas aos 47, já no acréscimo, não teve como conter o líder do estadual. Em contragolpe rápido pela esquerda, Junior Dutra correu com ela pelo fundo e tocou para trás. Ingênua, a defesa do Brusque deixou simplesmente o artilheiro do Catarinense livre na boca da área, que chegou chapando para o fundo do gol. Em seguida, o árbitro decretou o fim do primeiro tempo.

Empate e força leonina

Pingo pediu mais ataque para seus comandados, preocupado com a estatística que apontava a falta de finalizações no primeiro tempo. Logo o time se mostrou mais ofensivo, com tentativas de testar o goleirão Kolzinski. O gol, contudo, saiu em uma linda jogada de um momento de lampejo de Assis, apagado nas últimas partidas do Bruscão.

O camisa 10 recebeu bola na frente da área, observou a penetração de Belusso e lançou ela alta. Com categoria, o atacante que é artilheiro da equipe dominou e teve frieza para colocar no fundo das redes na saída de Kolzinski. O empate seria um resultado importantíssimo para o quadricolor, mas faltou força na defesa instantes depois.

Contando com a força de mais de 6 mil avaianos, o time da casa buscou o desempate. No abafa, a bola foi jogada para a área, Rodolpho pegou finalização mas deu rebote para Junior Dutra, camisa 9 nas costas, estufar as redes. O lance foi aos 23 minutos e Pingo tentou, apostando em Eliomar e Danielzinho, o gol que daria ponto precioso ao quadricolor. No entanto, as jogadas não saiam e os lançamentos nunca alcançavam o ataque. Com isso, o Leão cozinhou a partida e se segurou até o apito final.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio