Com ritmo forte, Abel se prepara para a estreia na Superliga B

Primeiro desafio da equipe brusquense será no próximo sábado, 21, em Curitiba

Com ritmo forte, Abel se prepara para a estreia na Superliga B

Primeiro desafio da equipe brusquense será no próximo sábado, 21, em Curitiba

Próxima de estrear na Superliga B, a Abel/Havan/Brusque treina em ritmo acelerado para recuperar o tempo perdido. Os treinos da equipe, que tem a missão de resgatar a paixão do brusquense pelo voleibol, iniciaram na semana passada e, desde então, o trabalho tem acontecido diariamente de manhã e a tarde, na Arena Brusque.

“A maioria das equipes já começou a treinar para a Superliga B no fim do ano passado, mas como ainda precisávamos de algumas definições, só iniciamos o trabalho mesmo na semana passada, por isso, esse ritmo intenso para correr atrás do tempo que deixamos de treinar”, explica o técnico da equipe, Maurício Thomas.

Os treinos estão concentrados na parte técnica e também coletiva. Na manhã de sexta-feira, por exemplo, as meninas treinaram alguns fundamentos como levantamento e recepção da bola. À tarde, partiram para a simulação de jogo.

A expectativa da equipe é fazer bons resultados e garantir presença na competição na próxima temporada. “A nossa expectativa é muito boa. O projeto é antigo, e a única categoria que a Abel não tinha era a adulta. Vamos trabalhar para conquistar a vaga para a Superliga A, mas sabemos que é uma tarefa muito difícil, principalmente, porque vamos enfrentar equipes de muita qualidade”.

O primeiro desafio da equipe brusquense será em Curitiba no próximo sábado, 21, contra Curitibanos. A estreia em casa será no sábado seguinte, dia 28, contra o Barueri, time comandado pelo técnico tricampeão olímpico, José Roberto Guimarães.

“Formamos um grupo mesclado com meninas da categoria de base da seleção sub-18 e também meninas da categoria adulto. Estamos com um grupo muito bom e acredito que vamos fazer um bom campeonato. Queremos fazer o brusquense reviver os bons tempos da Arena”.

A central Daniela Seibt, 16 anos, está animada para a estreia da equipe na competição. Ela é natural de Guaraciaba, no oeste de Santa Catarina, e já jogou a Taça de Prata pela Abel no ano passado, competição que deu vaga para o time brusquense na Superliga B. “A ansiedade é normal. Estarei em uma competição adulta muito nova, então o nervosismo é natural. Vai ser uma competição dificil, principalmente porque tem o time do Zé Roberto, mas acredito em bons resultados”, diz.

Quem também está confiante é a oposta Liz Hintemann, 32 anos. Na temporada passada ela jogou na Alemanha e agora, veio para reforçar a equipe brusquense. “Estamos correndo atrás do tempo, mas vejo que o time está conseguindo compensar, temos atletas muito boa, uma mistura entre atletas jovens e mais experientes, acredito que vai dar muito certo. Estamos muito focadas e conscientes da dificuldade, mas mesmo assim, estou otimista”.

A competição
A Superliga B conta com sete equipes. Na primeira fase, todos jogam contra todos e a equipe que terminar em primeiro lugar está automaticamente classificada para a próxima fase, que terá disputas do sétimo colocado contra o segundo, o sexto contra o terceiro e o quinto contra o quarto colocado.
Os vencedores desses confrontos vão para a semifinal e, posteriormente, a final. Apenas uma equipe garante vaga na Superliga. A segunda vaga será definida em uma espécie de repescagem com as equipes que caem da competição principal.

Confira os jogos da equipe brusquense

21/1 – 18h – Clube Curitibano (PR) x Abel/Havan
28/1 – 20h –Abel/Havan x Barueri (SP)
3/2 – 19h – São Bernardo (SP) x Abel/Havan
11/2 – 20h –Abel/Havan x ADC Bradesco (SP)
22/2 – 20h15 – ACV/Unochapecó/Orbens x Abel/Havan
4/3 – 20h – Abel/Havan x São José dos Pinhais (PR)

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio