Campeonato Paulista servirá como preparação para os grandes clubes

Interior chega forte para brigar para ser a zebra desta temporada

Campeonato Paulista servirá como preparação para os grandes clubes

Interior chega forte para brigar para ser a zebra desta temporada

Estadual mais rico e cobiçado pelos atletas, o Paulista começa nesta quarta-feira, 17, com os times do interior em busca do título. Em contrapartida, os grandes devem aproveitar a competição para se preparar para o Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores. Nada de novo sob o sol.

Atual campeão brasileiro, o Corinthians é cotado como o time mais forte para levantar o caneco. Mas a equipe tem como grande objetivo do ano a Libertadores.

Palmeiras e Santos também estão na competição continental e devem aproveitar a competição para preparação. O São Paulo está em reformulação e precisará ir bem no estadual para conseguir ter um bom ano.

Os times são divididos em quatro grupos de quatro times. Eles jogam contra os clubes das outras chaves (12 jogos). Os dois melhores classificam-se. Mata-matas serão em dois jogos.


Flamengo e Fluminense decidiram o Carioca em 2017 | Foto: Gilvan de Souza/ Flamengo

CARIOCA
Caldeirão de rivalidades

Estadual do Rio começa com fórmula complicada e clássicos como principal chamariz

Pode parecer estranho, mas o Campeonato Carioca de 2018 começou em dezembro do ano passado. Sim, a fórmula engenhosa do estadual incluiu uma fase preliminar na qual os clubes pequenos definiram quem entraria nos grupos B e C e quem iria para o X, de onde saem os rebaixados.

Nesta quarta-feira, 17, começa a fase mais completa do Cariocão. Os grandes Flamengo, Vasco, Fluminense e Botafogo entram em campo, e mais uma vez são os favoritos ao título. Sem times fortes no interior, a chance de zebra é modesta.

A fórmula prevê o seguinte: os campeões da Taça Guanabara (1º turno) e da Taça Rio (2º) garantem vaga na semifinal geral. Se dois times diferentes ganharem, os dois melhores na classificação geral juntam-se a eles nesta semi.

Já se o mesmo time vencer as duas taças o esquema muda. Aí, os quatro melhores no geral fazem semifinal e final, e o vencedor vai à final geral contra o time ganhador das taças.


Gre-Nal neste ano poderá ter torcida dividida, segundo a FGF | Foto: Lucas Uebel/ Grêmio FBPA

GAÚCHO
Estadual centenário

Campeonato começa com grande expectativa para o Gre-Nal e de olho nos pequenos

O Gauchão de 2017 teve, para surpresa de muitos, o Novo Hamburgo como campeão. Outrora tranquilos com sua hegemonia, Inter e Grêmio agora terão de remar para conseguir recuperar a taça do estadual justamente no ano do centenário da Federação Gaúcha de Futebol (FGF).

A FGF tem a intenção de fazer o Gre-Nal com torcida meio a meio, como homenagem ao centenário, mas isso ainda está em negociação. Tirante o ano festivo, os pequenos chegam forte para o estadual.

O Novo Hamburgo manteve a base do time campeão, enquanto que o semifinalista Caxias chega forte com a volta do técnico Luiz Carlos Winck. O Juventude manteve a base, e outros pequenos também mostram organização para a competição.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio