Conteúdo exclusivo para assinantes
Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Indicadores positivos de Santa Catarina darão o tom à candidatura de Colombo ao Senado

Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Indicadores positivos de Santa Catarina darão o tom à candidatura de Colombo ao Senado

A favor

Raul Sartori

Boas notícias
O governador Raimundo Colombo vem colhendo uma safra de boas notícias, que só deixam mais que garantida sua eleição para o Senado em 2018. Duas dos últimos dias: SC apresenta a menor desigualdade de renda no país e é o estado que tem a melhor longevidade (onde as pessoas vivem mais), comparável a de países europeus. Sem contar outros indicadores, como uma das mais baixas taxas de desemprego. Resistir, bravamente, como fez até agora, em não aumentar impostos, lhe dá também valiosos pontos de popularidade.

Fantasmas de 2018

Não é só a abstenção o fantasma que mais causa pavor nos políticos, mesmo aos ficha limpa, como anteviu a este espaço a deputada federal Geovânia de Sá (PSDB-SC), candidata à reeleição. Na avaliação do site O Antagonista o voto em branco é o favorito para o pleito do próximo ano. Em seguida, vem o voto nulo. A conferir.

A favor
Pré-candidato ao governo do estado, o deputado federal Jorginho Mello (PR-SC) por enquanto é o único deputado catarinense que declarou que irá votar pelo fim do foro privilegiado. São mais de 50 mil autoridades no Brasil que tem esse privilégio e, com a proposta, apenas os presidentes da República, da Câmara dos Deputados, Senado Federal e do Supremo Tribunal Federal continuariam com o foro. O levantamento é do movimento Vem pra Rua.

Má vontade
A presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia, cobrou dos presidentes dos Tribunais de Justiça o cumprimento da determinação para o envio dos dados referentes à remuneração dos magistrados de todo o país. Deu 48 horas, que terminam hoje. Caso contrário, vai acioná-los oficialmente. Dos 27 tribunais estaduais, apenas sete atenderam a solicitação até as 18h de anteontem. O TJ-SC não estava entre eles.

Renovação
Caciques do PMDB de SC tem recebido, com extrema espontaneidade, em roteiros dos últimos dias no interior do estado, apoio maciço dos eleitores do partido ao movimento contra a cúpula nacional. Inicialmente capitaneado por SC, o movimento pela renovação nos quadros partidários já tem a adesão das principais lideranças da legenda no Rio Grande do Sul e Paraná. O posicionamento será levado à convenção nacional, dia 19.

Kafkiano
Mais uma pérola do ambientalismo histérico tupiniquim: produtores rurais do Oeste de SC foram notificados por sempre vigilantes órgãos ambientais porque plantaram soja transgênica nas áreas que fazem divisa com a Floresta Nacional Chapecó, considerada zona de amortecimento. Os produtores nunca foram informados da proibição.

Casamento
Nunca, em tempo alguém, dois caciques políticos de SC estiveram tão afinados em torno de um objetivo: o governo do estado em 2018. O senador Paulo Bauer (PSDB) e o deputado federal Esperidião Amin (PP) falam do assunto diariamente.

Graças
Graças ao fato de vários prefeitos de SC se arvoarem candidatos à Assembleia Legislativa ou Câmara de Deputados em 2018 é que muitos contribuintes estão comemorando: o aumento do IPTU será corrigido apenas pela inflação. E nada de se falar na necessidade de atualização da chamada “planta genérica de valores”.

Matança
A violência atingiu níveis tão altos em Joinville que virou assunto da mídia nacional. A Folha de S. Paulo destacou um enviado especial para saber o que acontece na maior cidade catarinense, onde 71 pessoas foram mortas em 2011, contra 131 em 2016 –avanço de 84,5%. E o cenário neste ano tende a ser ainda pior: até dia 28 foram 127.

Polícia de graça
No Rio de Janeiro está o maior fuzuê devido a votação, prevista para hoje, de projeto para que a Policia Militar seja paga para dar segurança de eventos privados, como jogos de futebol e shows. Há anos que a PM de SC cobra diferentes taxas para isso.

Incentivo
O deputado federal Valdir Colatto (PMDB-SC) é relator de projeto, já em caráter conclusivo, que reduz a zero as alíquotas de contribuição previdenciária patronal das prefeituras de municípios que possuam mais 70% de seu território ocupado por unidades de conservação de proteção integral e por áreas de preservação permanente.

DETALHES
Uma lágrima para o ex-vice-governador de SC e empresário do agronegócio catarinense Victor Fontana, falecido ontem aos 101 anos, em São Paulo. Foi um homem de trajetória pessoal, política e empresarial irretocável.

A desembargadora Mari Eleda Migliorini toma posse como presidente do TRT-SC, amanhã. A desembargadora terá como elemento central de sua gestão o fortalecimento da conciliação, instituto determinante, na visão dela, para desafogar o Judiciário e garantir uma prestação jurisdicional mais célere e efetiva. A conferir.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio