Mais de 900 mesários já iniciaram treinamento-piloto

A expectativa é de que cerca de 14 mil mesários participem deste treinamento-piloto

Mais de 900 mesários já iniciaram treinamento-piloto

A expectativa é de que cerca de 14 mil mesários participem deste treinamento-piloto

Há apenas quatro dias no ar, o treinamento-piloto de mesários pela internet, elaborado pela Secretaria de Gestão de Pessoas do TSE, já foi acessado por 919 mesários. Dentre eles, 119 já concluíram o curso até o momento.

A expectativa é de que cerca de 14 mil mesários de sete estados (Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pará, Pernambuco, Piauí, Santa Catarina e Rio Grande do Sul) participem deste treinamento-piloto, o que representa 1% dos mesários que geralmente não são convocados para treinamentos presenciais pelos TREs, e são o público-alvo desta ação.

– A iniciativa veio após a realização e o sucesso que o treinamento de mesários no exterior teve em 2010 – explica a secretária de Gestão de Pessoas do TSE, Ana Cláudia Braga Mendonça.

Para Ana, o objetivo principal deste treinamento é democratizar o conhecimento, fazendo com que todos os integrantes da seção eleitoral estejam devidamente treinados no dia do pleito e, assim, possam melhor atender o eleitor.

O objetivo, segundo a secretária, é de que no futuro todos os mesários possam ser treinados via internet. Ao final do curso, cada participante responderá um questionário de avaliação quanto ao treinamento. As informações serão utilizadas de forma a melhorar os próximos treinamentos.

Módulos
Além dos módulos básicos de treinamento que incluem conhecimentos sobre urna eletrônica, identificação do eleitor, com e sem biometria, material da seção e outros, foi incluído o módulo Ética, Cidadania e Acessibilidade, que abordará o aspecto comportamental dos mesários.

O treinamento visa sensibilizar o mesário quanto à importância do seu papel na realização das Eleições, imbuindo-o do sentimento de prestação de serviço.

Neste ano, o tema acessibilidade será tratado com atenção especial. Os mesários serão treinados para darem atendimento adequado a eleitores idosos, com deficiência, analfabetos ou com necessidades especiais.

Fonte: TRE-SC
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio