Menina agredida na cabeça por tio-avô morre, em Itajaí

Com 1 ano e sete meses, ela recebia atendimento na UTI do Hospital Pequeno Anjo

Menina agredida na cabeça por tio-avô morre, em Itajaí

Com 1 ano e sete meses, ela recebia atendimento na UTI do Hospital Pequeno Anjo

A jovem Laura Bittencourt, de um ano e sete meses, não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada desta quarta-feira, 28. Ela estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Pequeno Anjo, em Itajaí, após ser agredida com golpes na cabeça com um taco de madeira na segunda-feira, 26.

O autor das agressões, de 43 anos, é tio-avô da menina e foi preso em flagrante no mesmo dia. O caso ocorreu no centro de Navegantes, no Litoral Norte. A menina estava em um carrinho de bebê na casa da avó, irmã do agressor. Os irmãos discutiam devido a uma herança de família.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio