Município Dia a Dia vence o Prêmio Caixa-Unochapecó de Jornalismo Ambiental

Série de reportagens sobre a Chácara Edith, da jornalista Juliana Eichwald, venceu grandes jornais do Sul do país

Município Dia a Dia vence o Prêmio Caixa-Unochapecó de Jornalismo Ambiental

Série de reportagens sobre a Chácara Edith, da jornalista Juliana Eichwald, venceu grandes jornais do Sul do país

A série de reportagens “Chácara Edith: Floresta preservada no coração da cidade”, da jornalista Juliana Eichwald, do jornal Município Dia a Dia, foi a vencedora na categoria Profissional Impresso do 8º Prêmio Caixa-Unochapecó de Jornalismo Ambiental. Mais de 90 inscritos dos três estados do Sul do Brasil produziram matérias para rádio, web, TV e impresso, seguindo a temática Meio Ambiente e Saúde Pública.

A premiação ocorreu na noite de segunda-feira, 20, no Salão de Atos da Unochapecó, em Chapecó. Ronaldo Roratto, presidente do Sindicato das Empresas Proprietárias de Jornais e Revistas no Estado de Santa Catarina (Sindejor-SC), recebeu o prêmio em nome do Município Dia a Dia.

Juliana realizou um trabalho minucioso sobre a Reserva Particular do Patrimônio Natural (RPPN) Chácara Edith, único Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica de Santa Catarina. A série de cinco reportagens abordou desde a criação da unidade de conservação até as espécies de animais, entre mamíferos, aves, répteis e peixes, que vivem no local.

A jornalista conta que foi muito importante para sua carreira receber o prêmio, e também motivo de surpresa, já que sua reportagem foi escolhida entre profissionais de todo o Sul do país. Ela explica que o resultado é o fruto de um trabalho amplo, que envolveu muita pesquisa e a ajuda de diversos profissionais. Além disso, Juliana destaca que o esforço de toda a equipe foi primordial para a conquista.

“É muito importante que nós, jornalistas, mostremos por meio do nosso trabalho a importância de preservar o meio ambiente. Saber que eu pude contribuir para isso é gratificante”, diz.

O editor-executivo do Município Dia a Dia, Andrei Paloschi, afirma que a conquista orgulha toda a equipe, já que grandes jornais como o Zero Hora (Grupo RBS) e o Correio do Povo (Grupo Record), ambos de Porto Alegre, foram premiados na mesma categoria em anos anteriores. “É uma oportunidade de divulgar o nome de Brusque para o Sul do país com um belo trabalho ambiental”.

Essa não é a primeira vez que a jornalista é premiada. Em 2015, ela venceu na categoria regional da 8ª edição do Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental, com a série “Tesouro Esquecido”, que falava sobre as cavernas de Botuverá.

Prêmio

O prêmio é uma iniciativa do curso de Jornalismo da Unochapecó, em parceria com a Caixa Econômica Federal. Tem como objetivo premiar profissionais e estudantes dos três estados do Sul do país. Das reportagens vencedoras, cinco são do Rio Grande do Sul e três de Santa Catarina.

A premiação de R$ 10 mil foi dividida em duas categorias: profissional e acadêmico. Em cada uma delas poderiam concorrer reportagens produzidas em um dos quatro segmentos: impresso, rádio, TV e internet.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio