Mutirão recolhe lixo das margens da Ivo Silveira

Ação foi realizada no sábado com o objetivo de conscientizar a comunidade e motoristas sobre as consequências de jogar lixo em local impróprio

Mutirão recolhe lixo das margens da Ivo Silveira

Ação foi realizada no sábado com o objetivo de conscientizar a comunidade e motoristas sobre as consequências de jogar lixo em local impróprio

A Uniasselvi/Assevim em parceria com a Fundação Municipal do Meio Ambiente de Brusque (Fundema) realizou na manhã de sábado, 25 de outubro, a ação “Brusque mais limpa” com o objetivo de limpar as margens da rodovia Ivo Silveira e conscientizar a comunidade e motoristas quanto ao depósito de lixo no local inadequado. Mais de cem alunos se envolveram na limpeza de aproximadamente sete quilômetros de extensão. A ação foi desenvolvida pelo terceiro ano consecutivo. Em 2013, aproximadamente 500 quilos de lixo foram recolhidos. Nesse ano, em torno de 650 kg foram retirados das margens. Esse é um número aproximado, a pesagem oficial será feita pela Recicle hoje.

Da teoria para a prática
A idealização do programa foi em 2012 pelo coordenador do curso de Administração, Rogério Adilson Lana. Neste ano, a ação foi ampliada para as demais graduações devido a criação do Programa Aluno Social (PAS), como explica a assessora pedagógica Rafaella Furtado Garcia. “Com a criação do PAS, ampliamos então essa ação para todos os cursos. Esse programa foi criado, pois participamos do Selo Social e realizamos alguns projetos que acreditamos que não devam partir apenas da instituição, mas, também, dos próprios alunos”.

O coordenador do curso de administração comenta que é importante ultrapassar os muros da faculdade para desenvolver nos jovens a conscientização e a responsabilidade ambiental e social. “Essa realização faz parte do nosso dia a dia da faculdade. Temos que pensar que nossa rotina não é feita apenas de conteúdos e disciplinas. É também envolver os alunos nas questões de responsabilidade social e ambiental. Se cada um fizer um pouco, a realidade tende a mudar. Cultivar isso no dia a dia para que amanhã sejam precursores desse processo. Quem sabe ano que vem essa seja uma ação comunitária e não apenas da Uniasselvi para que todos possam participar”.

Um dos alunos envolvidos na ação, Ricardo Pereira, fica satisfeito em poder fazer a sua parte, mas ressalta que é importante que a comunidade se importe com o “amanhã”. “Não custa nada cada um fazer sua parte. Queremos conscientizar as pessoas que cometem esse erro de jogar o lixo na rodovia. No entanto, não basta limparmos hoje e amanhã as pessoas continuarem cometendo esse erro”.

Durante a ação, no ponto de concentração dos alunos, foram distribuídas lixeiras de carros para que os motoristas depositem seus lixos no local correto.

Nova parceria

Pela primeira vez a Fundema está participando da ação. O convite feito por Lana foi aceito tendo em vista que o órgão realiza diversas atividades para conscientização ambiental. “A educação ambiental deve ser pluridisciplinar, deve estar em todas as esferas da educação, seja dos ensinos básico, médio ou graduação. O administrador deve saber de sua responsabilidade social, o arquiteto, o engenheiro e assim por diante. Quando a universidade faz uma ação como essa é muito importante para levar também aos alunos essa conscientização”, relata a bióloga da Fundema, Marília Cercal.

De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, a lei de número 5231 que diz que “atirar do veículo ou abandonar na via público objetos ou substâncias” é caracterizado como uma infração média, acarretando em quatro pontos na Carteira de Habilitação Nacional além do pagamento de multa.

Lixômetro
Todo o lixo recolhido na manhã de sábado ficou exposto na frente da Uniasselvi no ‘lixômetro’, um local feito pela Fundema e pelo Tiro de Guerra com o objetivo de depositar os resíduos recolhidos e deixar exposto para a comunidade observar a quantidade de lixo que estava às margens da Ivo Silveira. O material será recolhido hoje pela Recicle que, além de dar o destino correto ao material, fará a pesagem oficial.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio