Na Alemanha, comitiva de Brusque assina compromissos para mobilidade e produção de energia fotovoltaica

Acordo quadripartite foi firmado na quinta-feira, 19, durante reunião do Conselho Distrital de Karlsruhe

Na Alemanha, comitiva de Brusque assina compromissos para mobilidade e produção de energia fotovoltaica

Acordo quadripartite foi firmado na quinta-feira, 19, durante reunião do Conselho Distrital de Karlsruhe

A delegação brusquense na Alemanha teve, na quinta-feira, 19, um dos seus dias mais importantes de intercâmbio institucional. Na ocasião, durante reunião do Conselho Distrital de Karlsruhe, foram firmados dois novos programas que irão impactar diretamente o município de Brusque, expandindo o já existente acordo de cooperação previsto por meio do projeto 50 Parcerias Municipais pelo Clima.
A assinatura do convênio quadripartite envolve Brusque, Distrito de Karlsruhe, Universidade de Karlsruhe e Centro Universitário de Brusque (Unifebe), objetivando a elaboração de um Plano de Mobilidade Sustentável e, também, um estudo do Potencial de Produção de Energia Fotovoltaica para o município.
“A nossa cidade, sendo valorizada por um distrito composto por 32 municípios, mostra que Brusque é destaque mundial nessas parcerias”, destacou o secretário municipal de Governo e Gestão Estratégica, William Molina, em seu discurso na sessão plenária.
“Estamos cumprindo nossos compromissos, cumprindo com nossas obrigações e, agora, temos novas tarefas. Esses dois projetos foram assinados e começam, então, a ser liberadas as verbas para execução, tanto aqui na Alemanha, através dos órgãos de fomento, quanto para a Prefeitura de Brusque”.
Sobre as novas ações
Resolver os problemas de mobilidade urbana em Brusque, de maneira sustentável, é o objetivo do estudo que será realizado através da cooperação internacional. Desestimular o uso massivo do carro, melhorar o transporte coletivo, estimular o transporte não motorizado e criar, de forma coerente, a integração do uso do solo e transporte, são metas adicionais das atividades previstas no acordo.
No que diz respeito ao segundo projeto, a intenção é mensurar o potencial de produção elétrica fotovoltaica, instalando estações pilotos em prédios e ou praças públicas de Brusque. A medida estimulará a geração limpa de energia, contribuindo para as causas das 50 Parcerias municipais pelo Clima.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio