Obras da rodovia Antônio Heil serão paralisadas em um trecho até o fim do ano

Secretário da ADR de Itajaí se comprometeu a atender pedido dos empresários do bairro Limoeiro

Obras da rodovia Antônio Heil serão paralisadas em um trecho até o fim do ano

Secretário da ADR de Itajaí se comprometeu a atender pedido dos empresários do bairro Limoeiro

Na tarde de quinta-feira, 24, o secretário executivo da Agência de Desenvolvimento Regional (ADR) de Itajaí, Edson Piriquito, vistoriou as obras de duplicação da rodovia Antônio Heil, na região do bairro Limoeiro, junto ao presidente da associação de moradores do bairro, Luis Sérgio Tambosi, o engenheiro fiscal do Deinfra, Cleo Quaresma e representantes da Prosul, empresa que elaborou o projeto da obra.

A visita foi acordada no fim da reunião realizada entre empresários do bairro e lideranças políticas, na segunda-feira, em mais uma tentativa de obter alguma resposta sobre as alterações solicitadas pelos moradores da região na obra.

De acordo com o presidente da associação de moradores do Limoeiro, a visita do secretário ao trecho que mais preocupa a população – da Sodepan até as proximidades do Mineral Água Park – foi bastante proveitosa.

Piriquito observou de perto a situação da obra neste trecho e, junto ao engenheiro fiscal, Cléo Quaresma, se comprometeu a paralisar as obras na área até o final do ano.

“Da Sodepan até o Mineral não vão mexer mais este ano. Vem aí as festas de outubro, onde temos um movimento muito grande de turistas na rodovia e, também de clientes nos comércios da região”, destaca Tambosi.

Segundo ele, as valetas que foram abertas no meio da rodovia para a implantação do muro que dividirá a pista e que hoje impedem os motoristas de fazerem o retorno serão fechadas e a empresa fará os trevos de acesso e a sinalização solicitada pelos moradores.

Ainda assim, os moradores cobram resposta do Deinfra sobre as mudanças no projeto da obra. Tambosi afirma que Piriquito ficou responsável também por agendar uma nova reunião entre o Deinfra e os moradores para darem um parecer sobre as alterações.

“Vamos aguardar a próxima reunião e ver o que eles vão dizer. Sabemos que é possível eles fazerem as alterações que solicitamos”.

A comunidade reivindica a construção de um elevado na entrada do bairro Limoeiro – na altura do km 20 (próximo ao motel Deorum); uma passarela próximo à panificadora Sodepan; a retirada da mureta divisória da pista entre o km 20 ao km 22 e também mais uma saída do bairro, na estrada do parque aquático Mineral Água Park.

Comunidade contratou técnico para fazer projeto
Nesta semana, os moradores se reunirão novamente para discutir a obra e dar andamento às reivindicações. Uma das medidas tomadas pela comunidade foi a contratação de um engenheiro que fará o esboço de um projeto com as alterações sugeridas pela comunidade.

“Ele já está trabalhando no esboço e o objetivo é mostrar para o Deinfra, não quer dizer que eles vão aceitar, serão só sugestões”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio