+

Pai e avô são condenados por estupro de menina no Norte de SC

Crime aconteceu entre 2015 e 2019

Pai e avô são condenados por estupro de menina no Norte de SC

Crime aconteceu entre 2015 e 2019

Dois homens foram condenados a 18 anos e sete meses de prisão pelo crime de estupro de vulnerável em Araquari. Os abusadores são avô e pai da criança, com 12 anos atualmente. O crime aconteceu entre os anos de 2015 e 2019.

A prisão será em regime inicial fechado. A investigação iniciou com o registro de uma denúncia pela tia da vítima, após a criança relatar os abusos ao primo. Por meio de depoimento especial, a vítima relatou que os atos eram alternados.

Sentença

Na sentença, a magistrada atribui significância ao relato da menina, uma vez que a falta de testemunhas é característica desse tipo de delito. Ela ressaltou que “a ausência de terceiros no momento da prática constitui elemento indispensável para o êxito da empreitada criminosa, pois, do contrário, o agente seria contido”.

Para a juíza, pelo conjunto de provas dos autos, ficou comprovado que os acusados praticaram os atos diversos da conjunção carnal em detrimento da vítima. Além das penas restritivas de liberdade aos dois réus, o genitor teve decretada a incapacidade para o exercício do poder familiar em relação à vítima.

Leia também:

– Carro colide em poste e duas pessoas ficam feridas em Guabiruba
– Suspeito de matar companheira e bebê em Blumenau é preso
– Frio mais forte à vista: saiba qual a projeção de temperatura para Brusque no último fim de semana de julho
– Motorista que prensou carro com duas mulheres após colisão em Mafra é indiciado
– Jovem monitorado por tornozeleira eletrônica é preso com 18 pedras de crack em Blumenau

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo