Conteúdo exclusivo para assinantes

Prefeitura de Brusque licitará creche pré-moldada para nova unidade no Bateas

Secretaria de Educação diz que sistema construtivo é mais rápido e igualmente eficiente

Prefeitura de Brusque licitará creche pré-moldada para nova unidade no Bateas

Secretaria de Educação diz que sistema construtivo é mais rápido e igualmente eficiente

A Prefeitura de Brusque fará procedimento licitatório para a contratação de uma empresa que construirá creches pré-moldadas. Por enquanto, o objetivo é erguer apenas uma unidade, no bairro Bateas, onde o atual Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) Padre Theodoro Becker terá obrigatoriamente de mudar de endereço ano que vem.

De acordo com o secretário de Educação, José Zancanaro, já foi feito o edital para uma licitação em pregão, contudo, o Tribunal de Contas do Estado de Santa Catarina (TCE-SC) solicitou um projeto.

Neste momento, o Departamento Geral de Infraestrutura (DGI) trabalha para apresentar o projeto, para então licitar as creches. Segundo Zancanaro, o planejamento já deixará o “caminho pronto” para a construção de mais unidades, mas por enquanto será apenas esta primeira.

“Será pré-moldado para ser mais rápido, bonito. Será diferente de casas pré-moldadas, será específico para creches”, afirma o secretário de Educação. Segundo ele, a tecnologia atual já permite que esse modelo de construção seja tão bom quanto o tradicional.

Solução definitiva
A prefeitura corre contra o tempo para encontrar local para os 158 alunos do CMEI Padre Theodoro Becker. Atualmente, a creche funciona no Centro Comunitário do Bateas, pertencente à Igreja.

A comunidade católica havia pedido para que a prefeitura desocupasse as salas no fim de 2016. Porém, neste ano um novo acordo foi firmado e prorrogou o prazo por um ano.

Pelo novo acordo, em 2018 o CMEI Theodoro Becker terá de funcionar noutro espaço. O secretário de Educação diz que a situação, embora o prazo esteja no fim, não chega a preocupar.

“É um compromisso da administração doutor Jonas e Ari Vequi e da Secretaria de Educação com a comunidade e com o clero, e vamos retirar tudo no fim do ano”, afirma Zancanaro.

Fila por creche
A fila por vagas em creche é o principal desafio para as prefeituras. Em Brusque, o poder público municipal atende 100% dos meninos e meninas com 4 anos de idade ou mais, o que é exigido por lei.

Contudo, a maior demanda está nas turmas de berçário 1 e 2, que são bebês, de acordo com a Secretaria de Educação. A pasta aposta nas creches pré-moldadas para aumentar a oferta e reduzir a espera.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio