Conteúdo exclusivo para assinantes
Página 3

Bastidores da política e do Judiciário, opiniões sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro público

Raimundo Colombo é denunciado por caixa 2, mas escapa de acusação de corrupção passiva

Página 3

Bastidores da política e do Judiciário, opiniões sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro público

Raimundo Colombo é denunciado por caixa 2, mas escapa de acusação de corrupção passiva

Página 3

O governador Raimundo Colombo, momentaneamente licenciado do cargo, citado na delação premiada da Odebrecht, responderá ao poder Judiciário por acusação de caixa 2 na campanha eleitoral, e não por corrupção passiva, como era a suspeita inicial do Ministério Público Federal (MPF).

Na denúncia apresentada, o MPF acusa Colombo de ter omitido, na prestação de contas, recursos recebidos da empreiteira para a campanha.

A história de que isso seria uma contrapartida a uma facilitação do governador à empresa num eventual processo de privatização da Casan não foi confirmada pelos investigadores.

 

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio