Site estaria comercializando diplomas falsos da Unifebe

Acafe encaminhou ofício ao Ministério da Educação solicitando providências junto à Polícia Federal

Site estaria comercializando diplomas falsos da Unifebe

Acafe encaminhou ofício ao Ministério da Educação solicitando providências junto à Polícia Federal

A Unifebe registrou um boletim de ocorrência na Delegacia de Polícia Civil denunciando o site www.intercentrodigital.com que estaria comercializando diplomas falsos da instituição.

Segundo o assessor jurídico, Ronaldo Uller, inicialmente a informação foi recebida pela Associação Catarinense das Fundações Educacionais (Acafe). “Pelo que observamos neste site são comercializados diplomas de instituições do país inteiro, como USP, Unicamp, ITA, entre outras. Verificamos que a Unifebe também estaria com os certificados à venda, de cursos de extensão até a pós-graduação. O pagamento pode ser feito por boleto bancário”, explica.

Segundo Uller a presidência da Acafe encaminhou um ofício para o Ministério da Educação solicitando providências junto à Polícia Federal para investigação do caso.  “Alertamos para que a comunidade fique atenta. Empresários e representantes do serviço público ao contratarem um profissional, se desconfiarem que o diploma não é verdadeiro, devem entrar em contato com a instituição que o expediu. Na UNIFEBE basta telefonar e nós temos como verificar se realmente aquela pessoa se formou na instituição”, declara.

Segundo o assessor jurídico um acompanhamento desta investigação deve ser feito com a Polícia, pois se trata de um crime que envolve a própria LDB (Leis e Diretrizes de Base da Educação). “É crime de estelionato. Desta forma, a população fica desprotegida, pois alguém que comprou um diploma em Engenharia, por exemplo, vai assinar projetos de obras sem conhecimento técnico. É uma questão de utilidade pública e entendemos que isso deve ser informado à população”, finaliza.

Uller comenta ainda, que provavelmente o site foi feito por alguém especializado em educação, pois as informações estão de acordo com o que a legislação prevê. Todas as instituições do sistema Acafe estão no site, além das particulares de Santa Catarina. 



Fonte: Assessoria de imprensa – Unifebe
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio