Adolescente de Brusque ganha cadeira de rodas adquirida com venda de lacres de latinhas

Richard Gustavo Teske, aluno da Escola Charlotte, recebeu presente do projeto Eu Ajudo na Lata

Adolescente de Brusque ganha cadeira de rodas adquirida com venda de lacres de latinhas

Richard Gustavo Teske, aluno da Escola Charlotte, recebeu presente do projeto Eu Ajudo na Lata

Richard Gustavo Teske, 18 anos, terá uma vida ainda mais especial após receber a sétima cadeira de rodas adaptada do Eu Ajudo na Lata, na sexta-feira, 16.

O projeto realizado pela Unimed em parceria com a Associação Empresarial de Brusque (Acibr) reúne lacres de latinhas de alumínio para a venda em quilo. O objetivo é usar o valor da venda para adquirir cadeiras de rodas e doá-las para pessoas com deficiência. De 2014 a fevereiro deste ano foram arrecadados 6.120 kg de lacres.

A mãe do jovem, Kátia Araldi, conta que Richard nasceu com falta de oxigenação no cérebro, e que desde o primeiro ano de vida começou a ter convulsões. Por ter a coordenação motora afetada, com o tempo alguns membros passaram a enfraquecer e, como a cadeira de rodas anterior não era adaptada, dificultava o movimento dos mesmos. “A cadeira que ele tinha antes estava pequena e a coluna dele não ficava certa. Agora, com esse presente maravilhoso que ganhamos, vai ajudar muito. Estamos muito felizes.”

Recentemente Richard também passou por uma cirurgia, para esticar os tendões, para inibir a atrofia dos joelhos, das pernas e do pé, que estava entortando. “Agora, vamos trabalhar bastante com ele, e a nova cadeira vai ajudar muito nessa recuperação. É maravilhoso poder ganhar esse presente”, completa a moradora do Cerâmica Reis, em Brusque.

Emoção
Durante a entrega, realizada na Escola Charlotte, local frequentado por Richard desde pequeno, o vice-presidente da Acibr, Ivan Luiz Tridapalli, ressaltou o papel da entidade e principalmente da contribuição da comunidade engajada no projeto. “Agradecemos imensamente a todas as pessoas que colaboram com esse projeto, que separam os lacres e os doam. Com certeza sem isso não teríamos esse êxito e essa emoção, de ver a alegria no semblante dessas pessoas e de suas famílias que são contempladas.”

Da mesma forma, o gerente da Unimed Brusque, Guilherme Gamba destacou que o ponto máximo da campanha é a entrega das cadeiras, onde é possível sentir a emoção e a diferença que as mesmas fazem no dia a dia de quem precisa. “É nessa hora que percebemos que todo o esforço realizado para acumular os lacres, vendê-los e fazer a aquisição da cadeira, valeu a pena.”

Para a diretora da Escola Charlotte, Bernadete Rocha gratidão é o sentimento que prevalece ao ver que o projeto contempla quem realmente precisa. “É um momento muito emocionante, pois sabemos da luta e dedicação da família para chegar até aqui. A nossa gratidão é imensa.”

Beneficiados
As cadeiras de rodas adaptadas adquiridas através da campanha já beneficiaram as seguintes pessoas com deficiência: Edson Francisco Furquim (24 anos), Marise Poli (24 anos), Nayane Monteiro dos Santos (4 anos), Daiane Cardoso Ribeiro (17 anos), Daniela Lessa Antunes (28 anos), Cauã Cesário dos Passos (11 anos) e agora Richard Gustavo Teske (18 anos).

Todos eles são alunos das Apaes de Brusque, Guabiruba ou da Escola Charlotte. A escolha do beneficiado leva em consideração a necessidade do aluno e da família, e a compra da cadeira envolve diversos profissionais para que a doação seja útil e adequada para cada tipo de deficiência.

São apoiadores da campanha: as Apaes de Brusque e Guabiruba, Escola Charlotte, Rotary, Lions Clube de Brusque Berço da Fiação, Rede Feminina de Combate ao Câncer, CDL Brusque e Unifebe.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio