Brusque recebe prêmio na Alesc

Município está entre as 11 cidades reconhecidas pelo Conselho Regional de Odontologia como destaque na área

Brusque recebe prêmio na Alesc

Município está entre as 11 cidades reconhecidas pelo Conselho Regional de Odontologia como destaque na área

Brusque recebeu na noite de ontem, durante sessão solene na Assembleia Legislativa, o prêmio “Melhores Práticas em Saúde Bucal de Santa Catarina 2013”. O prêmio é concedido pelo Conselho Regional de Odontologia (CRO) de Santa Catarina aos municípios que se destacaram na oferta de serviço odontológico para a população no último ano.
Além de Brusque, também serão premiados os municípios de Joinville, Blumenau, Florianópolis, Porto União, Jaraguá do Sul, São Bento do Sul, Chapecó, Paulo Lopes, Macieira e Vidal Ramos.

Para a secretária de Saúde, Ana Ludvig, a premiação é o reconhecimento do trabalho realizado no município. “Recebemos esta notícia com muita alegria e satisfação. É uma premiação muito importante e não há nada mais gratificante que o resultado do trabalho realizado na saúde de Brusque sendo reconhecido, ainda mais por uma entidade conceituada como o Conselho de Odontologia”, afirma.

Para ela, o sistema adotado pelo município é um dos pontos que levou à premiação. “Aproximamos a saúde bucal disponibilizando o serviço nas unidades de saúde, com profissionais disponíveis todos os dias para esse atendimento”, diz.

Apenas a unidade de saúde do bairro Rio Branco e do São João ainda não contam com atendimento odontológico, no entanto, os pacientes desses locais são encaminhados para as unidades mais próximas.”No Rio Branco, estamos em um espaço alugado e assim que a sede, que já está em construção, for concluída, os moradores deste bairro também terão atendimento odontológico disponível. Já no São João, estamos aguardando a vinda de um profissional do concurso”.

Ela destaca também o Centro de Especialidades Odontológicas, localizado no Centro de Serviços da Saúde. “Temos sete profissionais especialistas que atuam no CEO, e além disso, fazemos um trabalho muito forte de prevenção nas escolas, que vem dando muitos resultados”.

Hoje, atuam na secretaria da saúde 32 profissionais dentistas, que realizam uma média de 45 mil atendimentos odontológicos por ano. A secretária lembra que o sistema de atendimento odontológico é diferente do médico. “A odontologia é diferente das consultas médicas porque o paciente precisa voltar duas, três, quatro vezes até terminar o tratamento”, diz.

Ana ressalta que o agendamento de consultas odontológicas também é diferenciado. “Para as consultas nas unidades, um novo paciente é chamado assim que o outro termina o tratamento e libera a vaga”.
Plantão

Já para quem precisa de consulta odontológica com urgência, há o plantão que funciona no Centro de Serviços em Saúde, das 18h às 22h, de segunda a sexta-feira. “Esse plantão é uma novidade que iniciamos neste ano. Atendemos ali casos de pessoas com dor aguda de dente e sangramento, mas nesse atendimento não é realizado tratamento de canal e outras intervenções, fazemos apenas um alívio da dor e no dia seguinte, esse paciente é encaminhado à sua unidade de saúde para realizar o tratamento”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio