Carlos Renaux já tem boa parte do elenco de base completo para o Catarinão Série C

Atletas contratados de várias regiões se preparam para Catarinense Juvenil e Junior Série C

Carlos Renaux já tem boa parte do elenco de base completo para o Catarinão Série C

Atletas contratados de várias regiões se preparam para Catarinense Juvenil e Junior Série C

A Federação Catarinense de Futebol (FCF) reservou em seu calendário o dia 23 de junho para o começo do Catarinense Juvenil e do Catarinense Junior Série C. O Carlos Renaux já está adiantado em sua preparação, e o clube conta com boa parte dos nomes que irão formar os dois plantéis.

Segundo o diretor de futebol do tricolor, Juliano Batista, os nomes foram buscados em várias regiões do estado e alguns de fora de Santa Catarina. “Muitas vezes existem bons atletas nessas idades, mas que não são bem aproveitados pelos clubes. Nós estamos em contato com empresários justamente para dar uma oportunidade a este grupo de jogadores”.

Batista confirmou ainda que o elenco Sub-23 pode ser aproveitado também para o time profissional, que disputa a Série C do Campeonato Catarinense em setembro. “Nós ainda não sabemos se o campeonato vai ser com atletas Sub-23 e possibilidade de três atletas adultos. Para nós seria melhor, já que teria menor custo, porém o sindicato dos jogadores de futebol deve lutar contra essa determinação”.

O diretor de futebol explicou que o Sub-17 do Vovô do Futebol Catarinense já está com 100% do elenco completo, enquanto o Sub-23 está com 50%. “Queremos buscar também atletas do município e da região, portanto vamos fazer uma peneira nos próximos 30 dias”.

Batista explicou também que devem ser aproveitados atletas mais experientes da cidade que disputam o Campeonato Municipal de Futebol Amador. “Nós monitoramos e já conversamos com quatro atletas que jogam pelo Carlos Renaux no Amador. Queremos conseguir conciliar a profissão deles com os treinos e jogos, já que caso o desempenho deles não desenvolva no futebol, eles não ficarão desemparados de emprego”.

Planejamento com pé no freio
Entre dezembro e janeiro, o presidente do Carlos Renaux, Renato Petruschky, o Tato, fez viagens a São Paulo em busca de parcerias para o planejamento do Carlos Renaux na Série C estadual. Ele visitou clubes tentando captar atletas, além de uma empresa de uniformes para fazer a distribuição do material esportivo.

Contudo, segundo Tato, a diretoria do Vovô optou por pisar no freio com estas iniciativas. “Nós tinhamos a ideia de que a competição seria realizada antes da Copa do Mundo, mas ela foi remanejada para depois, em setembro. Portanto não vejo a necessidade de, em fevereiro, fechar algum tipo de acordo. Vamos aproveitar para concentrar em assuntos mais urgentes”.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio