Serviços do Casarão da Saúde serão transferidos para a Arena Brusque

Condição precária da atual estrutura é uma das motivações para o remanejamento dos serviços

  • Por Miriany Farias
  • 6:30
  • Atualizado às 14:50

Serviços do Casarão da Saúde serão transferidos para a Arena Brusque

Condição precária da atual estrutura é uma das motivações para o remanejamento dos serviços

  • Por Miriany Farias
  • 6:30
  • Atualizado às 14:50
  • +A-A

Até meados de 2018, todos os serviços hoje prestados no Casarão da Saúde, próximo ao cemitério luterano do Centro, passarão para a Arena Brusque.

A mudança começa a ser realizada aos poucos, sendo que o primeiro serviço a ser transferido será a fisioterapia. O remanejamento de imóvel é necessário, segundo a prefeitura. devido às precárias condições do casarão e também devido ao pedido de devolução do imóvel pela proprietária.

As novas divisões que abrigarão os serviços da saúde ficarão em um amplo corredor, embaixo das arquibancadas.

O secretário da Saúde, Humberto Fornari, explica que o espaço será todo remodelado e restruturado de maneira bastante humanizada. “O projeto está sendo produzido pelos técnicos do DGI [Departamento Geral de Infraestrutura] e a planta, inclusive, já nos foi apresentada”, informa.

A escolha pela fisioterapia ser o primeiro serviço transferido foi devido às necessidades urgentes de mudança em termos de ambiente e materiais, segundo o secretário. Na sequência serão transferidos o restante dos serviços, como laboratório municipal, vigilâncias e o Serviço de Assistência Especializada (SAE).

Atualmente, a Vigilância Sanitária está sediada na Praça da Cidadania, mas a intenção é levá-la também para a Arena, junto à Vigilância Epidemiológica. “Assim, conseguimos criar mais um espaço para mais uma unidade básica de saúde na Praça da Cidadania”, diz Fornari.

O secretário lembra que desde que a atual gestão assumiu foi notado que o Casarão da Saúde era a estrutura física com maior necessidade de serviços de reparo e manutenção. Durante conversas com a proprietária do imóvel, ela informou que já havia solicitado a rescisão do contrato.

“Então de pronto começamos a buscar outra localização. Como o município está com dificuldade financeira, optamos por um local dentro da estrutura própria, para diminuir custos em relação a aluguel”, detalha.

Conforme a transferência dos serviços para a Arena, os espaços desocupados passarão por reformas para, em meados do ano que vem, entregar a casa nas condições em que precisa ser devolvida à proprietária.

Fornari ressalta que é necessário fazer a mudança aos poucos, pela necessidade de adaptação do espaço na Arena. “Hoje não tem salas lá. É apenas um corredor grande que será dividido com divisórias e transformado em serviços. Na parte térrea ficará a fisioterapia”, diz.

Abrigo para moradores de rua será transferido

O remanejamento dos serviços para a Arena Brusque foi possível, pois o abrigo para os moradores de rua será transferido para outra sede.

Desde março, a secretária de Assistência Social e Habitação, Mariana Martins da Silva, informa que o município estuda outro local, pois quando foi aberto o abrigo, foi anunciado e comunicado ao Ministério Público de Santa Catarina (MP-SC) que era um local provisório.

Até o momento dois locais foram previstos pela Secretaria, sendo um para locação e outro próprio da prefeitura, na subida da caixa d’água, no antigo refeitório da prefeitura.

“Como é um local que só funciona à noite, das 19h às 7h, precisa ser um local de fácil acesso para os moradores de rua e que seja bastante tranquilo”, comenta Mariana.

Ela ressalta que estão tomando bastante cuidado na procura pelo imóvel, pois como houve muitos problemas com a antiga Casa de Passagem, pela localização, procuram um local que dê para adaptar, sem incômodo para vizinhos.

“Estivemos em Florianópolis visitando o alberque para ver como funciona e ter noção do que precisa, até para servir como parâmetro para nós”, conta.

A intenção é de que até julho o local seja definido e, então os moradores de rua já possam ser transferidos para o novo abrigo permanente.

 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio