Cerca de 7 mil casas de Guabiruba são visitadas por jovens missionários

Em torno de 150 pessoas de quatro países participam da ação, que termina neste sábado, 20

Cerca de 7 mil casas de Guabiruba são visitadas por jovens missionários

Em torno de 150 pessoas de quatro países participam da ação, que termina neste sábado, 20

Cerca de 7 mil casas de Guabiruba e algumas empresas foram visitadas nas duas últimas semanas por 150 voluntários da Missão Dehoniana da Juventude (MDJ). Essa foi a primeira vez que o município recebeu missionários tão jovens: de 17 a 25 anos. Junto deles, estão 12 padres de várias regiões do Brasil.

Os visitantes vieram de diversos países e estados numa missão de evangelizar as famílias, por meio de oração e de diálogo. Ao todo, 21 paraguaios, um equatoriano, dois argentinos, além de jovens do Paraná, Rio Grande do Sul e de Santa Catarina estão em Guabiruba.

A missão iniciou no dia 5 deste mês e encerra neste sábado, 20, com missa às 19h, na Igreja Matriz Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Fabiano Siegel, coordenador do Conselho Pastoral da Comunidade (CPC) e que está à frente do projeto na cidade, diz que Guabiruba teve um crescimento populacional significativo nos últimos anos e que a MDJ tem preocupação em levar a evangelização periodicamente a novos lugares e pessoas.

A missão é dividida em três etapas: 2018 é o ano em que ocorrem as visitas, com aplicação de questionário para entender as principais necessidades religiosas das famílias; 2019 é feito um levantamento das principais demandas solicitadas no ano anterior, com a execução de algumas ações; em 2020 procura-se saber o efeito que as ações tiveram no local.

Siegel conta que as visitas duram cerca de 15 minutos, sem horário agendado, e que neste tempo os missionários conversam com as pessoas, fazem orações e aspergem água benta em cômodos da casa. Um breve questionário é feito com as famílias, sobre questões relacionadas à participação na igreja.

Os jovens estão hospedados em repartições das igrejas de Guabiruba e recebem alimentos da própria comunidade.

“É um privilégio recebê-los e ver a motivação dos guabirubenses. Os missionários vieram de coração aberto, sem maldade nenhuma e mostrando aos jovens que é possível tirar um tempo para Deus”, destaca Siegel.

O padre Moisés Mittelstaed, de Curitiba (PR), diz que a experiência em Guabiruba está sendo muito boa. Ele afirma que os missionários receberam “uma forte acolhida espiritual”, além da troca de cultura enriquecedora. “Parece que estavam há meses nos esperando, curiosos, aguardando para compartilhar suas histórias de vida”.

Missão Dehoniana Juvenil
A Missão Dehoniana Juvenil é um projeto missionário da Congregação dos Padres do Sagrado Coração de Jesus. O intuito é fazer dos jovens protagonistas da missão, no serviço de evangelização.

A MDJ surgiu na Argentina após a Jornada Mundial da Juventude realizada em Buenos Aires, em 1987.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio