Clube Esportivo Paysandu reabre inscrições para futebol de base

O objetivo do clube é projetar novamente jovens promessas

Clube Esportivo Paysandu reabre inscrições para futebol de base

O objetivo do clube é projetar novamente jovens promessas

A temporada ainda não começou oficialmente para o Clube Esportivo Paysandu, mas a quase centenária instituição brusquense já se organiza nos bastidores para o início dos trabalhos em 2015. O objetivo é simples, deixar toda a estrutura em condições para dar suporte ao trabalho de base dos atletas, previsto para começar a partir do dia 3 de fevereiro.

“As inscrições para o início das aulas já estão abertas desde segunda-feira”, explica o gerente esportivo do Paysandu, Valmir Dutra, o Chodi. Desde dezembro, ele é o responsável por auxiliar na recondução do reconhecido trabalho de base feito pelo clube. O Paysandu já chegou a ter cerca de 250 atletas, mas hoje este número é de aproximadamente 60 de 10 a 17 anos. O desafio é resgatar atletas que já fizeram parte da escolinha do clube no passado e também oportunizar para que novas crianças tenham a oportunidade de conhecer a equipe alviverde. “A primeira intenção é manter atletas que estavam com a gente em 2014 e aprofundar qualidade, algo que se perdeu um pouco com a morte do Álvaro Bozzano”, explica.

O falecimento do carismático treinador das categorias de base do Paysandu em razão de um infarto no início do ano foi um ‘baque’ para a diretoria, mas sobretudo para os atletas. “A garotada sentiu um pouco e ficou aquela dúvida se haveria continuidade”, revela Chodi.

Ele comenta que foi difícil suprir a ausência do profissional. Além de ser uma espécie de ‘coração da escolinha’, Bozzano também se destacava por ajudar na angariação de receitas para os trabalhos de base. “Ele era uma pessoa que conhecia todo mundo”, observa.

Sem o profissional, o Paysandu teve um ano difícil na escolinha. “Mesmo assim, em ambas as competições que participou na temporada, na Copa Acef Santa Catarina e na Liga Blumenauense de Futebol, fez boas campanhas”, afirma Chodi.

Para este ano, ele acredita que o clube voltará a ter uma base forte, sobretudo por meio de incentivo às jovens promessas. Uma das intenções é fazer parcerias com clubes para que possam avaliar os atletas. De acordo com Chodi, no clube alviverde existem jogadores de reconhecido potencial, mas é necessário algum tipo de projeto para que estas promessas não fiquem pelo caminho, sobretudo os que já estão na faixa dos 16 anos, período em que a maioria começa a trabalhar. “Eles precisam ser estimulados, pois muitos têm condições de se tornarem atletas profissionais de futebol. Por isso, vamos entrar em contato com alguns clubes para que tenham a oportunidade de avaliar nossos atletas”, diz. Outra ideia da diretoria para 2015 é realizar um campeonato interno de futebol para abrir o clube para futuros jogadores. “Estamos abertos a quem queira conhecer o Paysandu”, observa o gerente esportivo.

O custo de inscrição para fazer parte da escolinha do futebol do Paysandu é de R$ 40. A mensalidade tem o valor simbólico de R$ 35. As aulas são realizadas de terça a sexta-feira nos períodos da manhã e tarde (veja no destaque). Mais informações podem ser obtidas na secretaria do clube das 13h30 às 18h ou no telefone: 3396-6335.

Cronograma de aulas

Categoria / Dias
Infantil e juvenil / terças e quintas-feiras
Pré-mirim e mirim / quartas e sextas-feiras

Horários:
Das 9h às 11h e das 14h30 às 17h

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio