Conselho Municipal de Saúde (Comusa) levanta temas polêmicos em reunião de terça-feira

UPA 24 horas, ID-SUS e demissões da Apar levantaram discussões no Comusa

Conselho Municipal de Saúde (Comusa) levanta temas polêmicos em reunião de terça-feira

UPA 24 horas, ID-SUS e demissões da Apar levantaram discussões no Comusa

Reunião começou tranquila, mas terminou com polêmicas – Crédito: Sarita Gianesini

A reunião do Conselho Municipal de Saúde (Comusa), que
aconteceu excepcionalmente nesta terça-feira, 27, começou tranquila, com aprovação
unânime do Planejamento Anual de Metas 2012 do Serviço de Atendimento
Especializado (SAE).

Mas esse foi só o início. O debate esquentou entre os
conselheiros quando a secretária de Saúde, Maria Aparecida Morelli Belli,
trouxe para a pauta a construção da Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24 horas).
Segundo Cida Belli, a construção do novo espaço recebe custeio do Ministério da
Saúde, que investe R$2 milhões na obra.

A secretária lembra que a UPA 24 horas já teve a construção iniciada
em um terreno no bairro Santa Terezinha, próximo ao Centro Universitário de
Brusque (Unifebe). Foi então que o presidente do Comusa, Marcos Maestri, questionou
a localização. Cida Belli justificou a escolha pela disponibilidade do terreno,
acesso rápido pela Beira Rio e carência de serviço do tipo naquela região da
cidade.

Quanto ao custo mensal para manter a unidade, a secretária
especificou que cerca de R$390 mil serão financiados pelo Governo Federal e que o
município deve completar o custo com R$247 mil ao mês. Cida Belli ainda
esclareceu que a UPA deve realizar atendimentos de urgência, que podem aguardar
24 horas, não uma emergência.

Outros temas debatidos na reunião foram o ID-SUS, a demissão
de uma equipe técnica da Associação de Pais e Amigos de Especiais (APAE) e a
crise financeira do Hospital Azambuja. 

**Na edição de quinta-feira, 29, saiba mais detalhes das
resoluções do Comusa em Brusque. 

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio