Evento de Aquariofilia realizado em Brusque foi transmitido para mais de 12 mil pessoas na internet

Encontro contou com a participação de aquaristas, fabricantes e lojistas de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina

Evento de Aquariofilia realizado em Brusque foi transmitido para mais de 12 mil pessoas na internet

Encontro contou com a participação de aquaristas, fabricantes e lojistas de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina

Cerca de 100 pessoas participaram no domingo, 15, do 1º Encontro de Aquariofilia de Brusque, na Associação dos Servidores do Deinfra da região do Vale do Itajaí-Mirim (Asdervim). O evento contou com a participação de aquaristas, fabricantes e lojistas de São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

O organizador do evento, Carlos Alexandre Reis, explica que o objetivo foi reunir o maior número de aquaristas da região. Durante todo o dia, os participantes puderam trocar experiências e participaram de palestras com fabricantes nacionais, que apresentaram novos produtos para aquários marinhos. As palestras foram transmitidas ao vivo para mais de 12 mil pessoas pelo canal do Youtube do Forever Fish e Reef Marinha. “Em Brusque, 100 pessoas possuem aquário marinho, mas infelizmente tivemos apenas nove participantes da cidade no encontro”, conta Reis.

O cultivador e distribuidor de corais marinhos da Forever Fish, Tamide Szulkin, de São Paulo, também foi um dos idealizadores do evento em Brusque. Ele afirma que a intenção é difundir o aquarismo marinho na região, apesar de o encontro ser para o aquarismo no geral.

Segundo Reis, a pretensão é que o encontro se torne uma tradição na região e ocorra todos os anos. “Vou lutar para isso, buscar mais incentivo e apoio e pretendo que seja realizado sempre em maio”.

Os químicos, proprietários da empresa Nutratec, Paulo e Heloísa Schumacher, de São Paulo, foram também palestrantes do encontro. Eles são os primeiros fabricantes de sal marinho do Brasil, ou seja, produzem sal para fazer a água do mar sintética. “A iniciativa do organizador foi excelente para aumentar essa rede de contatos. Viemos apresentar nossos produtos para um público que não tem acesso e ainda não conhecia”, diz Heloísa.

Para o casal, o mercado de aquarismo marinho está crescendo, até porque agora existem mais empresas nacionais oferecendo produtos para os aquaristas. “Como somos os primeiros do país a fabricar o sal marinho, conseguimos oferecer um preço mais competitivo. Com o aumento do dólar, os produtos importados ficaram muito caros, com isso, muitos aquaristas desistiram do hobby”, diz Paulo.

Com o encontro em Brusque, o casal Schumacher espera que o mercado aumente na região. “O pessoal da região foi muito receptivo, fazendo com que a gente se sentisse em casa. Com certeza se tiverem próximos, estaremos presentes também”, afirma.

Os proprietários da empresa Refripampa, de Porto Alegre (RS), Anderson Fernandes e Rosiane Pereira, apresentaram no evento o Chiller para aquário marinho. “Esse equipamento funciona como ar-condicionado para o aquário. Ele ajuda a manter a temperatura estável”, explica Fernandes.

Com clientes em Brusque e Blumenau, eles viram no encontro uma oportunidade de divulgar mais a marca e o produto. “Como é um equipamento um pouco mais caro, as pessoas se assustam e mesmo tendo interesse em ter um aquário marinho, desistem da ideia. Aqui explicamos a funcionalidade e os aquaristas percebem que vale a pena”, diz Rosiane.

O casal analisa o crescimento no mercado de aquariofilia. “Antes poucas pessoas conheciam e agora está se tornando uma tendência. Aqueles que não conheciam, acabam se sentindo mais interessados e incentivados quando acontecem esses encontros”, diz.

Para Fernandes, Brusque é o município ideal para ocorrer o evento, pois é centralizado e acessível para participantes de São Paulo, Rio Grande do Sul e Paraná.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio