Fragmentos da Bienal de Brusque reúne 110 obras

A exposição acontece na Fundação Cultural até o dia 29 de agosto

Fragmentos da Bienal de Brusque reúne 110 obras

A exposição acontece na Fundação Cultural até o dia 29 de agosto

Há 25 anos foi realizada a Bienal Internacional de Artes de Brusque. Para comemorar a data, foram restauradas 110 obras de 73 artistas de 31 países que participaram da exposição para serem reapresentadas este ano. Estas obras são consideradas heroicas pelo curador da exposição, o artista plástico Jorge Grimm, pois muitas outras foram destruídas por cupins, baratas, ratos, traças, fungos e outros micro-organismos.

De acordo com Grimm, a exposição atual quase não possibilita recontar o que foi o evento original, pois ele contou com quase mil artistas que participaram em dez modalidades: arte postal; desenho; cerâmica; escultura; fotografia; impressos; música; pintura; poesia e selos.

As 110 obras da exposição atual estão em novas molduras e protegidas contra cupins, traças e outros insetos para garantir a conservação e durabilidade do acervo. A mostra fica aberta para visitação na Fundação Cultural, na Praça da Cidadania, até o dia 29 de agosto, de segunda a sexta-feira, das 8h às 21h. A entrada é gratuita.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio