Hospital Azambuja adere à Rede de Atenção à Urgência e Emergência

Solenidade de assinatura reuniu 22 hospitais catarinenses de 17 municípios

Hospital Azambuja adere à Rede de Atenção à Urgência e Emergência

Solenidade de assinatura reuniu 22 hospitais catarinenses de 17 municípios

A secretária de saúde de Brusque, Maria Aparecida Morelli Belli, e o gestor administrativo do Hospital Arquidiocesano Cônsul Carlos Renaux, Fabiano Amorim, estiveram em Florianópolis na manhã de ontem para a assinatura do termo de adesão da entidade à Rede de Atenção à Urgência e Emergência. Com a contratualização, o Hospital Azambuja receberá R$ 3 milhões do Ministério da Saúde, para ações de revitalização e reformas das portas de urgência e emergência, e na qualificação dos leitos da Unidade de Terapia Intensiva – UTI.

Os recursos repassados serão investidos na instalação de três leitos de UTI, que já estão viabilizados. A quantia de R$ 300 mil será destinada para adequação. O valor da diária de UTI também será alterado. Ele passará de R$ 400 para R$ 800, além do aporte mensal de R$ 100 mil, retroativo ao mês de maio, para manutenção da entidade. A adesão é uma das principais mudanças defendidas pela administração que assumiu em 4 de julho, após a intervenção pela Prefeitura de Brusque.
Rede em SC

Na solenidade presidida pelo governador Raimundo Colombo no auditório da Celesc, ficou oficializado o repasse anual de R$ 63,9 milhões, do Ministério da Saúde, a 22 hospitais de 17 municípios catarinenses. Para receber os valores, os gestores das unidades hospitalares assinam um termo que estabelece metas e compromissos.

Nesta etapa do Plano de Ação da Rede de Atenção às Urgências de Santa Catarina, foram contempladas as macrorregiões de saúde do Vale do Itajaí, Extremo-Oeste, Meio-Oeste, Planalto Serrano, Foz do Rio Itajaí e Sul. A expectativa da Secretaria de Estado da Saúde é que, quando todos os componentes estiverem aprovados pelo Ministério da Saúde, Santa Catarina contará com recursos da ordem de R$ 300 milhões por ano.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio