Agências de empregos de Brusque têm cerca de 100 vagas disponíveis; veja lista

Em cenário de equilíbrio entre oferta e procura, pouca qualificação é obstáculo para contratações

Agências de empregos de Brusque têm cerca de 100 vagas disponíveis; veja lista

Em cenário de equilíbrio entre oferta e procura, pouca qualificação é obstáculo para contratações

Agências de emprego de Brusque somam cerca de 100 vagas abertas em Brusque neste início de ano. Apesar do volume de postos de trabalho, recrutadores falam em mais exigências devido ao momento de equilíbrio entre oferta de vagas e de mão de obra.

Setores ligados à confecção, metalurgia e a indústria se destacam na oferta de postos de trabalho operacionais. Vagas voltadas a especialidades, como assistente fiscal, estilista, programadores de computadores, gerência de loja e de qualidade, também esperam por candidatos.

Segundo o diretor do Sine de Brusque, Diego Portalete, mesmo com os servidores tendo a atuação focada nos processos de seguro-desemprego desde o início do ano, há demanda por consultas de emprego. Os encaminhamentos voltarão a ser feitos nesta semana.

Na avaliação do presidente da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH) de Brusque, Schirlei Freitas, o volume de oportunidades disponíveis no município demonstram mais otimismo no mercado de trabalho, se comparado com mesmo período do ano passado.

De acordo com ela, o momento é oportuno para profissionais com mais qualificação e atualizados. “Quem buscou este desenvolvimento sai na frente. Hoje, a tecnologia torna isso muito mais acessível, com opções de cursos virtuais, à distância e alguns gratuitos”.

Momento de otimismo
Para o diretor da Céu RH, Graziano Andrade, o cenário neste início de ano está mais exigente para quem busca recolocação, porém, o momento é de equilíbrio e otimismo. “O número de vagas oferecidas e de pessoas procurando oportunidades é muito próximo. O mercado está aquecido em comparação aos últimos dois anos”.

Andrade destaca a diversidade dos postos ofertados e uma mudança no perfil procurado. Hoje, a maioria dos empregadores locais estão mais criteriosos devido à disponibilidade de mais mão de obra.

De acordo com ele, a falta de qualificação, de conhecimento técnico, além do perfil comportamental e estabilidade estão entre os principais fatores avaliados. Na agência, os atendimentos pessoais são feitos às segundas-feiras e terças-feiras. Também é possível fazer o cadastro pelo site (www.ceurh.com.br).

Aposta no virtual
Outra ferramenta disponível para quem procura uma nova oportunidade no mercado é via internet. Pelo portal Vagas Brusque (www.vagasbrusque.com.br) é possível filtrar vagas por área e ter acesso ao contato direto das empresas contratantes. Os anúncios são publicados nas redes sociais e o contato é feito pelo próprio candidato.

Um panorama do trabalho pode ser acompanhado pela movimentação registrada no site, vinculado à agência Mais Q Marketing. Segundo o empresário Vagner dos Santos, a partir da metade de 2016 e de 2017, o número de acessos começou aumentar rapidamente. A média de acessos mensais no segundo semestre do ano passado era de 32 mil. O número de vagas anunciadas por mês, no entanto, atingia metade do registrado em 2013 e 2014.

No dia a dia, afirma, é comum ouvir relatos de dificuldade para encontrar candidatos com a experiência necessária. As queixas são tanto para vagas de áreas específicas como programador ou social media, quanto para profissões mais procuradas como auxiliar administrativo, revisora em confecção ou vendedor.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio