Conteúdo exclusivo para assinantes
Página 3

Bastidores da política e do Judiciário, opiniões sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro público

Pavimentação desfigura características do Complexo de Azambuja

Página 3

Bastidores da política e do Judiciário, opiniões sobre os acontecimentos da cidade e vigilância à aplicação do dinheiro público

Pavimentação desfigura características do Complexo de Azambuja

Página 3

A Prefeitura de Brusque anunciou na semana passada que a empresa responsável pelas obras de drenagem na rua Padre Antônio Eising, em frente ao Seminário de Azambuja, já iniciou a preparação para a pavimentação da via, após a colocação dos tubos.

Trata-se, no entanto, de uma falha, tendo em vista que o complexo, que abriga o hospital, o museu e a igreja, foi construído seguindo um padrão visual que não prevê o asfalto, mas sim uma pavimentação em paralelepípedo.

A colocação do asfalto, a ser levada adiante, irá desfigurar o Complexo de Azambuja, que até então mantinha conservado seu padrão visual histórico.

Além disso, há casos em outras cidades nos quais obras “modernas” feitas em locais históricos tiveram que ser repaginadas, após sua conclusão, para que se resgatasse o padrão visual correto.

O poder público deveria ter mais cuidado quando na elaboração de projetos e execução de obras, no sentido de se evitar que aberrações urbanas venham a ocorrer.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio