Plano de mercado é apresentado em reunião da regional da Fiesc

Extenso documento contém estudos que demonstram a realidade e o caminho da indústria regional

Plano de mercado é apresentado em reunião da regional da Fiesc

Extenso documento contém estudos que demonstram a realidade e o caminho da indústria regional

Em reunião recente, integrantes de entidades ligadas à indústria catarinense apresentaram um plano de mercado contendo importantes informações dos 16 setores chaves para o futuro da indústria estadual e local.

O encontro contou com as presenças do vice-presidente regional da Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc) no Vale do Itajaí Mirim, Ingo Fischer, do diretor regional do Serviço Social da Indústria (Sesi), Roberto Zen, do diretor do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) de Brusque e, também, do interlocutor da câmara regional do Movimento Santa Catarina pela Educação, Julcimar Luis Machado, além do novo coordenador regional de Mercado, Denis Tavares.

De acordo com Machado, foi entregue, na ocasião, um mapa da regional do Vale do Itajaí Mirim, contendo dados relevantes sobre três das principais atividades industriais aqui desempenhadas.

“Cada um dos 16 setores industriais priorizados contém uma série de informações: o número de indústrias, de trabalhadores, remuneração média, quanto exporta, quanto importa. Informações básicas completas. Tem um detalhe muito interessante nesse plano de mercado chamado macrotendências de cada um desses setores. Ou seja: para onde cada um desses setores vai caminhar daqui alguns anos”, explica.

Segundo Ingo Fischer, o plano de mercado será uma ferramenta valiosa com fins ao desenvolvimento da economia do Vale do Itajaí Mirim. “São informações úteis que irão ficar disponíveis para a vice-presidência e para todas as indústrias. É um material rico que pode auxiliar no processo decisório dessas corporações”, avalia.

Caravanas
Inaugurado no último dia 15, em Florianópolis, o terceiro Instituto da Indústria da Fiesc é mais um grande centro tecnológico que busca fomentar, desenvolver e tornar mas profícuo o importante setor econômico.

Durante a reunião ficou definido, também, que a vice-presidência regional da Fiesc no Vale do Itajaí Mirim, através do Senai e do Sesi, organizará uma série de viagens até a capital para apresentar a entidade para os integrantes de empresas e instituições ligadas ao sistema da federação.

“A ideia é levar pessoas que atuam com a área de inovação, com projetos de novos produtos, para participar destes novos momentos”, finaliza Fischer.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio