Prefeitura de Brusque recebe devolução de R$ 1,1 milhão da Câmara de Vereadores

No total do ano, Legislativo deixou de utilizar R$ 2,5 milhões do orçamento

Prefeitura de Brusque recebe devolução de R$ 1,1 milhão da Câmara de Vereadores

No total do ano, Legislativo deixou de utilizar R$ 2,5 milhões do orçamento

Em 2017, a Câmara de Vereadores de Brusque tinha direito a R$ 8,5 milhões do orçamento municipal, para manter as atividades administrativas, remunokerar servidores, vereadores, prestadores de serviços, dentre outros. Desse total, usou R$ 5,9 milhões, ou seja, 69,9%.

Durante o ano, foram dispensadas transferências que somaram R$ 1,2 milhão. Além disso, dos repasses mensais efetuados, restavam na conta da Câmara um saldo de R$ 1,1 milhão – valor entregue pelo presidente do Legislativo, Jean Pirola (PP), ao prefeito Jonas Paegle (PSB), na sexta-feira, 15.

Considerados também R$ 33,4 mil de rendimentos em aplicações e os R$ 200 mil antecipados à prefeitura em outubro, a fim de garantir o atendimento via Sistema Único de Saúde (SUS) no Hospital Azambuja, a quantia que a Câmara deixou de utilizar do Orçamento de 2017 é de R$ 2,5 milhões (R$ 2.596.672,89).

A prefeitura informa que o dinheiro será utilizado para custeamento da folha de pagamento do município.

Participaram do ato também os vereadores Deivis da Silva (PMDB), Gerson Luís Morelli, o Keka (PSB), e Sebastião Lima (PSDB), o vice-prefeito Ari Vequi (PMDB) e a secretária da Fazenda, Edena Beatris Censi.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio