Rotary Club de Brusque completa 70 anos de serviços à comunidade

Entidade é o clube de serviço mais antigo do município

Rotary Club de Brusque completa 70 anos de serviços à comunidade

Entidade é o clube de serviço mais antigo do município

Há 70 anos, um grupo formado por 33 brusquenses se reuniu em um salão do extinto Parque Olímpia, na avenida Cônsul Carlos Renaux, para a fundação do clube de serviços mais antigo do município: o Rotary Club de Brusque.

Leia também: Falta de infraestrutura e desinteresse de moradores afetam funcionamento das caixas postais comunitárias

Da solenidade de fundação do clube brusquense participaram delegações de outras cidades como Itajaí, Blumenau, Florianópolis e Rio do Sul que presenciaram a formação do primeiro conselho diretor da entidade composto pelos brusquenses Eugênio Trompowsky Taulois Filho, Carlos Cid Renaux, Walter Ravache, Alexandre Gevaerd, Bernardo Stark, Arthur Schlösser, Raul Schaerf e Paulo Lourenço Bianchini.

A partir do dia 27 de julho de 1946, os membros do Rotary de Brusque assumiram um compromisso com a sociedade. No início, as reuniões do clube aconteciam na sede social do Clube Atlético Carlos Renaux. Mais tarde, em 1968, os encontros passaram a acontecer na Sociedade Esportiva Bandeirante, onde são realizados até hoje.

Secretário-executivo do Rotary Club de Brusque, o contador Ademir Vinotti é um dos integrantes mais antigos da entidade. Ele ingressou no clube em 1970 para assumir a função de secretário-executivo. No entanto, somente em 1987 que ele, de fato, se associou. De lá para cá, já foi presidente por três mandatos e, agora, exerce a função que o levou ao Rotary. Ao todo, são 46 anos de envolvimento com a entidade. “O Rotary foi a maneira que eu encontrei para servir a comunidade”, diz.

Ademir Vinotti está no Rotary Club há 46 anos / Foto: Bárbara Sales
Ademir Vinotti está no Rotary Club há 46 anos / Foto: Bárbara Sales

Ele se orgulha em fazer parte da entidade que tem representação mundial e, inclusive, foi o responsável por discursar na solenidade de comemoração dos 70 anos do clube. Ele lembra que a entidade já realizou diversas obras em benefício de Brusque, entre elas, ele cita a construção e instalação da primeira Apae de Santa Catarina, que foi encabeçada pelo companheiro Carlos Moritz, além da criação do programa Bombeiro-Mirim, a campanha para o asfaltamento da rodovia Antônio Heil, a fundação da Escola Rotary Companheiro Ayres Gevaerd, no bairro Volta Grande, e a Escola Rotary Padre Vendelino Viemes, no Cedrinho. Outra ação importante do Rotary nesses 70 anos em Brusque, é o programa de intercâmbio de jovens, realizado há 25 anos. O clube também fez diversas doações de equipamentos para a Defesa Civil e diversas escolas da cidade.

Hoje, o Rotary Club de Brusque conta com 37 companheiros rotarianos – como os membros são chamados – e é um clube de serviço não filantrópico e sem fins lucrativos. Seu conselho diretor é formado pelo presidente Rafael Knop, o secretário Antônio Maffezzolli e o tesoureiro Edson Coelho.

O Rotary é composto por profissionais de diversas áreas que se reúnem semanalmente para discutir ações em prol da comunidade. “Para entrar para o Rotary, basta ser um profissional e ter liberdade para participar das ações. Cada profissional discute ações dentro de sua área de atuação porque já têm o conhecimento necessário. É importante lembrar que dentro do Rotary ninguém é doutor, somos todos companheiros”, explica Vinotti.

História

O Rotary é uma instituição internacional, fundada em 1905 pelo advogado americano Paul Percy Harris. A organização tem mais de 1,2 milhão de associados em todo o mundo e tem como objetivos a melhoria nas condições de vida e bem-estar social, estimular e fomentar o ideal de servir como base de todo empreendimento e a aproximação dos profissionais de todo o mundo, visando a consolidação das boas relações, da cooperação e da paz entre as nações.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio