Obra do PAC no Nova Brasília avança após paralisação

Cerca de 60% dos serviços já foram executados pela empresa Catedral

Obra do PAC no Nova Brasília avança após paralisação

Cerca de 60% dos serviços já foram executados pela empresa Catedral

A obra de macrodrenagem do bairro Nova Brasília está transcorrendo dentro do planejamento. Cerca de 60% dos serviços, que foram retomados no dia 20 de fevereiro, já foram concluídos, incluindo o período anterior à paralisação. A obra é financiada por meio do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e estava parada desde meados de junho de 2016.

Os serviços, que consistem na execução de dois túneis que atravessam a rodovia Antônio Heil – um na rua Osvaldo Niebuhr e outro na Evandro Bruns -, serão ligados com as galerias existentes no sentido oposto ao bairro Nova Brasília, para que a água tenha vazão e solucione o problema de enxurradas no local.

O engenheiro civil da Catedral Construções Civis, empresa que executa a obra, Jorge Omar González, explica que nas duas primeiras semanas foi realizada a limpeza nas galerias existentes e que depois começou-se a fazer as escavações e a montagem das chapas metálicas nos túneis.

Foram perfurados até agora – levando em consideração o trabalho do ano passado -, 102 metros dos 177m na rua Osvaldo Niebuhr e 60m dos 103m na rua Evandro Bruns, o que para o engenheiro é considerado satisfatório. “As chapas, que são fabricadas em São Paulo, atrasaram para chegar devido ao feriado do Carnaval. No entanto, mesmo assim, a obra está dentro do cronograma, já que não tivemos dificuldades com a escavação”.

Segundo González, devido a profundidade dos túneis – cerca de cinco metros -, havia possibilidade de encontrar rochas, porém, até o momento não foi detectado nenhum tipo de material que dificultasse o andamento da escavação, que é realizada, na sua maioria, manualmente. Hoje, cerca de 15 profissionais especializados realizam o trabalho durante oito horas por dia.

A previsão é que em 90 dias a perfuração e as ligações dos túneis com as galerias existentes sejam finalizadas, e com isso, a água que fica represada e que não consegue fluir no Nova Brasília possa desembocar no lado oposto da rodovia Antônio Heil. “A nossa intenção é terminar os serviços antes de julho, da melhor maneira e o mais rápido possível. Já foi escavado 60% em cada túnel, faltando cerca de 40% nos dois pontos”, diz o engenheiro, que completa:
“Estamos preocupados com essa obra e sabemos que tem uma população sendo afetada com isso. A prefeitura demonstrou esse interesse também, e se os serviços não tivessem sido paralisados ano passado, devido a falta de recursos públicos, já teríamos terminado e evitado as enxurradas do começo do ano”.

O engenheiro da Prefeitura de Brusque, Rafael Kniss, responsável por fiscalizar a obra, diz que a empresa Catedral está realizando “uma mobilização interessante” quanto à execução dos serviços. “Acreditamos que a obra terminará no prazo estipulado, apenas pode ocorrer algum atraso por causa de algum fator climático”, argumenta.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio