+

VÍDEO – Enchente em Brusque: saiba como está a rua em que parte da pista cedeu no bairro Jardim Maluche

Muro de casa desabou após aumento do nível do rio Itajaí-Mirim

VÍDEO – Enchente em Brusque: saiba como está a rua em que parte da pista cedeu no bairro Jardim Maluche

Muro de casa desabou após aumento do nível do rio Itajaí-Mirim

O jornal O Município visitou a rua Francisco Sassi, no bairro Jardim Maluche, na manhã desta segunda-feira, 20. Na ocasião, a situação do asfalto da via, que já havia cedido na sexta-feira, 17, piorou. O muro de uma casa que já estava desocupada também desabou. Segundo moradores da rua, a via vem cedendo a cada registro de aumento do nível do rio Itajaí-Mirim, em Brusque.

Conforme apurado pela reportagem de O Município no local, a família havia deixado a residência na quinta-feira, 16, em razão do perigo. Moradores afirmam que o asfalto começou a ceder há 30 dias. Ainda há uma rachadura que aumenta a cada dia.

Defesa Civil e secretaria de Obras

Segundo o coordenador da Defesa Civil de Brusque, Edevilson Cugiki, um levantamento de todas as ruas que precisarão de obras está sendo feito.

“O número total de áreas necessitadas só saberemos pela semana que vem, já que são muitos pontos. Estamos priorizando as residências que foram atingidas para poder proporcionar itens de ajuda humanitária às famílias”.

Otávio Timm/O Município

Já o secretário de Obras do município, Ivan Bruns, diz que será realizada uma contenção na rua. A base será de pedra e depois será utilizado um material mais sólido.

“Não conseguimos tempo favorável para realizar tudo, a chuva atrapalhou. Essa ‘nata’ de lama também não conseguimos recolher ainda. Nesta segunda-feira, 20, vamos realizar todos os levantamentos necessários para discutir o que vai ser feito e como vai ser feito. Sobre a casa devemos discutir isso em uma reunião que acontecerá ainda nesta segunda-feira”.

Preocupação de moradores

De acordo com duas moradoras do bairro, que costumam caminhar diariamente na região, um ponto preocupante é a falta de sinalização no local, o que faz com que muitos motoristas não respeitem a ordem de bloqueio.

“Eu e meu marido tivemos que colocar cones ali pois a placa de ‘meia pista’ só está do outro lado. À noite, motociclistas podem não perceber que a via está prejudicada”, disse uma. 

“É triste a situação, mas entendemos que é difícil trabalhar nessas condições. Temos famílias aqui que perderam muita coisa e estamos fazendo o possível para ajudar. Nossa preocupação é sobre alguém poder cair ali”, complementou a outra.

Otávio Timm/O Município

Assista ao vídeo:


Assista agora mesmo!

Idolatria a Zico e Ayrton Senna leva japonês a conhecer e formar família em Brusque:


Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio
Artigo anterior
Próximo artigo