Câmara de Guabiruba implanta sistema de votação eletrônica nas sessões

Sessão de terça-feira, 16, marcou o início da nova fase no legislativo guabirubense

Câmara de Guabiruba implanta sistema de votação eletrônica nas sessões

Sessão de terça-feira, 16, marcou o início da nova fase no legislativo guabirubense

Na sessão de terça-feira, 16, a Câmara de Guabiruba realizou a sua primeira votação utilizando o painel eletrônico. O sistema foi implantado pela empresa Lancer Informática, de Blumenau, e a partir de agora, será utilizado em todas as sessões.

Veja também:
PSL de Brusque aproveita onda de crescimento e mira eleições municipais

Contribuição de MEIs da região de Brusque com o INSS cresce 71% em três anos

Corpo de Bombeiros estima receber R$ 1 milhão a menos com novo convênio

De acordo com o presidente da Câmara, Cristiano Kormann, a informatização dará mais transparência e agilidade às sessões. Ele afirma que no ano passado, quando assumiu a presidência do legislativo, já iniciou o planejamento que foi colocado em prática na última sessão, em caráter experimental.

“Com a informatização, temos a confirmação de presença dos vereadores pelo notebook e as pessoas que acompanham a sessão pela internet ou no plenário conseguem visualizar o voto de cada vereador”, diz.

Além da transparência, Kormann ressalta que a implantação torna a Câmara de Guabiruba mais sustentável, já que a economia com papel será bem significativa. Ele cita como exemplo a sessão desta semana que teve a votação de três projetos.

“Vem três projetos em papel da prefeitura, aí chegando aqui seria mais nove cópias de cada um para os vereadores. Com a informatização, fica tudo no computador, é muito mais prático.”

Kormann também destaca que os vereadores terão acesso a todas as leis e projetos da Câmara de Guabiruba durante a sessão. “Quando tem alguma emenda a algum projeto, é padrão vir só a parte que será alterada. Agora, os vereadores poderão ter acesso na íntegra, terão como pesquisar, tirar suas dúvidas, terá muito mais informação durante as votações.”

Veja também:
Projeto de lei: filhos de vítimas de violência devem ter preferência na matrícula escolar em Brusque

Procurando imóveis? Encontre milhares de opções em Brusque e região

Banda alemã VoxxClub sobe ao palco nas últimas quatro noites da 35ª Oktoberfest

A Lancer Informática é a mesma empresa que gerencia o sistema Legislador, software utilizado por várias câmaras. Além disso, também foi a empresa responsável por implantar a votação eletrônica na Câmara de Brusque.

“A Câmara de Brusque foi pioneira e hoje muitas câmaras do país vem implementando esse sistema informatizado”, diz.

O custo para a implantação do sistema ficou em torno de R$ 40 mil.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio