Não há prazo para novas licitações das obras das UBS Emma 2 e Zantão

Construções estão paralisadas e terão de passar por novo processo após rompimento de contrato com a empresa

Não há prazo para novas licitações das obras das UBS Emma 2 e Zantão

Construções estão paralisadas e terão de passar por novo processo após rompimento de contrato com a empresa

Deve ser lançada em breve a licitação para escolher a empresa que dará continuidade nas obras da Unidade Básica de Saúde (UBS) do loteamento Emma 2, no Limoeiro.

O trabalho no local está paralisado porque a empresa que estava fazendo a obra – Rodrigues & Camargo, de Tijucas – e a Prefeitura de Brusque romperam o contrato amigavelmente.

Após a rescisão, a equipe técnica do DGI teve que fazer um levantamento de tudo o que foi feito pela empresa e um replanejamento de valores. Só depois de ter tudo refeito é que o órgão encaminhou para o setor de licitações, que nas próximas semanas, deve lançar o edital.

“É um processo um pouco demorado. Precisamos rever tudo e atualizar o orçamento, agora a nossa parte já foi feita”, diz a diretora do DGI, Andrea Volkmann.

De acordo com ela, ainda falta mais de 50% para que a UBS do loteamento Emma 2 seja finalizada. Não há prazo para que a obra seja entregue aos moradores da localidade.

No Zantão, a situação é semelhante. A obra, que está 50% concluída, terá de ser relicitada. O DGI trabalha neste momento, segundo Andrea Volkmann, na revisão do projeto e orçamento, mas ainda não tem previsão para encaminhar a documentação para o setor de licitações.

História antiga
O contrato para a construção da UBS Emma 2 foi assinado em 2014. O prazo final para a entrega do posto de saúde era outubro de 2016, depois foi prorrogado por 12 meses. Mas até hoje os moradores aguardam que a unidade comece a funcionar. A obra está abandonada há cerca de um ano. Entulho, lixo e mato se avolumam ao seu redor.

Já em 2016, a empresa deixou a obra. De acordo com a prefeitura, juntas, as obras das UBS do Emma 2 e do Zantão somam em torno de R$ 1 milhão.

Atualmente, os moradores do Zantão são atendidos na UBS Santa Luzia, e os do Emma 2, na UBS Santa Terezinha.

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio