Conteúdo exclusivo para assinantes
Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Nomeação de José Ascari ao TCE-SC foi pedido de Júlio Garcia, atendido imediatamente

Raul Sartori

Jornalista graduado em Ciências Sociais, atua na imprensa catarinense há cerca de 40 anos - raulsartori@omunicipio.com.br

Nomeação de José Ascari ao TCE-SC foi pedido de Júlio Garcia, atendido imediatamente

Campanha

Raul Sartori

Porque tanta pressa?
O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Júlio Garcia, foi até o governador, terça-feira, com um pacote pronto: informou Raimundo Colombo que estava se aposentando e que para seu lugar queria que fosse nomeado o deputado estadual e seu afilhado político, José Nei Ascari (PSD). Numa demonstração do quanto manda, até no governador, no mesmo dia Colombo oficializou o nome de Ascari à Assembleia Legislativa, que na quarta-feira, em uma agilidade invulgar, nomeou comissão especial e submeteu o nome para deliberação do plenário, que o referendou, no período da manhã, usando a mesma velocidade, com 31 votos favoráveis. No mesmo dia, à tarde, Ascari assumiu seu privilegiado e vitalício cargo no Tribunal de Contas do Estado. A pergunta que todo mundo faz e cuja resposta talvez se saberá nos próximos dias – e muito provavelmente não dos personagens diretamente envolvidos – é: porque tanta pressa?

Campanha
O que mais caracteriza campanha eleitoral antecipada: um outdoor do “presidenciável” Jair Bolsonaro no centro de Tubarão ou a escandalosa caravana que Lula vem fazendo há meses pelo país e sempre dizendo que seu maior desejo é voltar ao Palácio do Planalto?

Telhado de vidro
O deputado federal João Rodrigues (PSD-SC) bombardeou o executivo Wesley Batista na sessão da CPMI da JBS, ontem, pedindo para ele ser “honesto uma vez na vida” e contar “absolutamente tudo” que sabe. O empresário ficou calado o tempo todo. A propósito, o site O Antagonista lembrou que João ainda aguarda julgamento de recurso no Supremo Tribunal Federal de ação em que foi condenado a cinco anos de prisão por fraude em licitação quando prefeito de Pinhalzinho.

Falsas vitórias
Dentre dezenas de manifestações solidárias à crítica, aqui, aos municípios que importam atletas de outros Estados para ficar entre os primeiros nos Jogos Abertos de SC, um desejo que está ficando manifesto é o de que a competição volte às origens, concebida com o propósito maior de valorizar o atleta catarinense. A importação vai no sentido oposto e a justificativa utilizada – “aumentar o nível” – é uma estultice.

Faz e desfaz
A maioria governista no Legislativo estadual faz e desfaz, literalmente. Há dias, em cochilo da base governista, foi aprovado requerimento de convocação do secretário de Estado da Fazenda, apresentado pelo deputado Fernando Coruja (PMDB), para o esclarecimento das isenções fiscais concedidas pelo Estado a empresas por meio do Prodec e outros incentivos. Percebida a mancada, a votação, desfavorável ao governo, foi refeita. Um completo absurdo.

Intolerável
Ouve-se muitas reclamações das condições ruins de estradas estaduais, mas o que dói mesmo é saber que vários hospitais de SC fecharam, estão fechando (como o de Caridade, de São Francisco do Sul). E outros estão na fila para encerrar atividades.

Lei trabalhista
A nova Lei Trabalhista entra em vigor neste sábado. Das 832 emendas apresentadas pelos deputados na comissão especial que analisou o tema, 44 foram de autoria do deputado federal Celso Maldaner (PMDB-SC). Único catarinense como membro titular, se orgulha em dizer que todos os direitos adquiridos foram mantidos, como 13º salário, registro na carteira de trabalho, seguro desemprego e FGTS, entre outros.

De graça, não
Em decisão unânime, o Supremo Tribunal Federal julgou parcialmente procedente ação direta de inconstitucionalidade ajuizada pelo governador Raimundo Colombo contra a lei estadual 16.285/2013, que prevê assistência médica e educacional especializada, programa de reinserção social e de combate ao preconceito, acesso gratuito ao transporte público municipal e intermunicipal, bem como o uso de vaga de estacionamento especial para pessoas deficientes. O STF considerou inconstitucional apenas o artigo 8º da lei, que prevê a gratuidade de acesso a transporte municipal e intermunicipal.

Crise superior
É muito mais séria do que se pensa a crise no sistema de educação superior catarinense, em especial no sistema Acafe, com suas 11 universidades e cinco centros universitários. Relatório do Tribunal de Contas aponta que os estudantes catarinenses perderam R$ 740 milhões em bolsas de estudo entre 2011 e 2016, pelo fato de o governo estadual não ter repassado totalmente os 5% do orçamento da educação como bolsas. A Unisul e a Univali estão em situação mais precária e alvo de críticas por não terem transparência maior de suas gestões.

DETALHES
O 30º Encontro Nacional da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), em Florianópolis, encerrou ontem com a eleição do novo presidente do conselho nacional da entidade, o mineiro Paulo Nonaka. SC é o único Estado brasileiro com dois membros nesta nova formação: o presidente da entidade estadual, Raphael Dabdab, e Célio Salles, que integra o conselho consultivo.

Genuinamente catarinense, a rede Koerich inaugura amanhã sua 100ª loja em SC, em Jaraguá do Sul.

Conteúdo exclusivo para assinantes

Quero assinar com preço especial
[Acesse aqui]

Sou assinante

Sou assinante do impresso,
mas não tenho login
[Solicite sem custo adicional]

Tire suas dúvidas, em horário
comercial, pelo (47) 3351-1980

Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio