Prefeitura anuncia redução da tarifa de ônibus em Brusque

A decisão, que atende determinação do governo federal, foi anunciada pela prefeitura em meio à manifestação no Centro

Prefeitura anuncia redução da tarifa de ônibus em Brusque

A decisão, que atende determinação do governo federal, foi anunciada pela prefeitura em meio à manifestação no Centro

A Prefeitura de Brusque anunciou na noite desta quinta-feira, 20 de junho, a redução da tarifa do transporte coletivo. O valor caiu de R$ 2,90 para R$ 2,80, ou no caso de usuário que utiliza a bilhetagem eletrônica, de R$ 2,85 para R$ 2,75. A decisão foi tomada após um telefonema do prefeito em exercício, Evandro de Farias, o “Farinha”, para o prefeito licenciado, Paulo Eccel, em viagem à Europa. 

O novo valor atende determinação da medida provisória do governo federal que isentou as empresas de transporte coletivo urbano de dois impostos federais: Programa de Integração Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins), o que corresponde a redução de 3,65% nos custos. “Em cima do decreto do governo federal, a Prefeitura de Brusque tomou esta decisão”, define Hermes Artur Klann, proprietário das empresas de transportes coletivos Santa Luzia e Santa Terezinha.  A medida, que entrou em vigor no último dia 1º de junho, é um novo esforço do governo para tentar conter a inflação. A redução em Brusque começa a valer a partir das 00h de segunda-feira, 24 de junho.

O anúncio ocorreu no mesmo momento em que manifestantes circulavam pelo Centro da cidade, na noite de quinta-feira, se unindo à onda de protestos que acontecem em várias cidades do Brasil. Para o estudante Hellyffer Antônio Albert, 18 anos, essa é a primeira de muitas conquistas, mas não é o suficiente. “Não adianta baixar tarifa e ficar sem ônibus e com poucos horários”, afirma. No megafone, o jovem informou aos demais manifestantes da decisão e reforçou a realização de uma nova manifestação amanhã. “Esse não é o nosso único pedido, a gente continua na rua. Sábado, a manifestação vai ser maior”, finaliza.
Colabore com o município
Envie sua sugestão de pauta, informação ou denúncia para Redação colabore-municipio